Santos decide não vender Copete para Atlético-MG

Copete não deixará o Santos em 2018. Segundo apurou o LANCE!, a diretoria do clube paulista decidiu que não irá liberar o atacante, mesmo havendo conversas adiantadas de seu estafe com o Atlético-MG.

Um dos motivos para o clube não negociar Copete é pelo esvaziamento do setor ofensivo do Santos para 2018. Na virada do ano, o clube perdeu Ricardo Oliveira, que assinou com o Atlético-MG, Kayke, que não agradou e retornou de empréstimo ao Yokohama Marinos (JAP) e Nilmar, que pediu a rescisão de contrato para seguir em tratamento de depressão.

Além disso, Vladimir Hernández e Thiago Ribeiro não convenceram quando estiveram em campo. Inclusive, o primeiro está em uma negociação adiantada com o Junior Barranquila, da Colômbia, e o segundo teve seu contrato encerrado em dezembro de 2017 e não foi procurado pela diretoria para renovar.

Outra coisa que impede Copete de ser negociado é Jair Ventura contar com ele em seu time. O treinador iniciou os trabalhos no dia 6 e desde então trabalha com o colombiano entre os titulares. A ideia é utilizá-lo já no dia 17, contra o Linense, pela primeira rodada do Campeonato Paulista.

Em 2017 o camisa 36 atuou 52 vezes e anotou 12 gols. Seu vínculo com o Alvinegro vai até junho deste 2021.

Fonte: Lance

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *