Gastronomia

Museu celebra o Dia Internacional do Café com apresentações de baristas e exposição

Instituído pela Organização Internacional do Café (OIC), o Dia Internacional do Café é celebrado, anualmente, em 1º de outubro. A ocasião, um marco de suma importância para todos que apreciam e trabalham no ramo, é uma celebração da diversidade, qualidade e paixão que existem no setor. Para comemorar essa data tão especial, o Museu do Café trará apresentações de cinco baristas consagradas no ramo e abrirá, também, uma mostra temporária. As atividades acontecem no domingo (30), dia que precede a data oficial.

Baseando-se no conceito de “Mulheres no Café”, tema estabelecido pela OIC para 2018, o Museu contará com duas programações especiais. A primeira, marcada para as 14h00, será um encontro de baristas, que reunirá profissionais da área para diferentes demonstrações e degustações de bebidas produzidas à base de café. A ação, que tem como objetivo valorizar a presença feminina no segmento, também proporcionará um bate-papo sobre os desafios da profissão.

Dentre os nomes escalados para o evento, estão a sócia-proprietária da empresa de cursos Baristando, Franciele Gomes; a barista chefe, responsável pela qualidade dos cafés e instrutora de treinamentos da rede Santo Grão, Keiko Sato, e colaboradoras da cafeteria Octávio Café, Martha Grill, Juliane Alves e Natalia Telles. Os drinks de cada profissional, escolhidos para as apresentações, incluem, respectivamente, o “Iced Coffee – café com soda limonada”, o “Cold Brew – experiências da extração à frio”, a “Soda Mademoiselle d’Orvilliers”, o “Julli Frutti” e, por fim, o “Paçoca Latte”.

A segunda parte da agenda envolve a inauguração da exposição temporária “Café com aquarela, uma experiência de imagem e contos”. A mostra, com abertura prevista para as17h00, trará ao público 16 trabalhos figurativos produzidos com a bebida, carvão e outros materiais pouco convencionais, assinados pelo artista plástico Rogério Bassa Gonçalves.

Compondo as áreas expositivas da instituição até o dia 30 de outubro, as ilustrações buscam destacar o uso da extração na composição de peças artísticas, proporcionando um produto com características obscuras e de um aspecto envelhecido. De acordo com Gonçalves, o café proporciona um elemento cromático nas imagens e possibilita tons dourados diversificados, que espelham as propriedades da bebida e a forma como ela foi preparada.

A programação é gratuita e para participar do encontro com as baristas, os interessados devem fazer a inscrição pelo e-mail inscricao@museudocafe.org.br.

O Museu do Café fica à rua XV de Novembro, 95, no Centro Histórico de Santos. Seu horário de funcionamento é de terça a sábado, das 9h00 às 17h00 e, aos domingos, entre 10h00 e 17h00. Aos sábados, a visitação é gratuita. Já a Cafeteria do Museu abre de segunda a sábado, das 9h00 às 18h00 e, aos domingos, entre 10h00 e 18h00. Outras informações estão disponíveis no site www.museudocafe.org.br.

Serviço:

Dia Internacional do Café

 Encontro de Baristas

30/09 | DOM | 14h00

Inauguração da exposição “Café com aquarela, uma experiência de imagem e contos”

30/09 | DOM | 17h00

saiba antes via instagram @revistamaissantos