4.1 // EMPREGOMANUAL

Fundo Social de Solidariedade de Cubatão adia entrevistas com candidatos devido as chuvas de quinta (8)

Em razão das fortes chuvas, que prejudicaram o acesso ao centro de Cubatão de vários candidatos com entrevistas marcadas, o Fundo Social de Solidariedade de Cubatão (FSS) decidiu reagendar essas entrevistas. Para possibilitar isso, foi adiada para até o dia 13/3 a divulgação do resultado da seleção de monitor para atuar na Escola de Moda, mantida pelo órgão.

Como explicou a presidente do FSS, Adeíza Monteiro Oliveira, o processo foi iniciado com as inscrições dos interessados, recebidas até o dia 2 de março em sua sede no Parque Anilinas. Em seguida, começaram as entrevistas individuais, prejudicadas parcialmente pelas chuvas desta quinta-feira (8). Essas avaliações são feitas mediante análise de currículo, considerando-se as competências e experiências em costuras diversas.

Para a função, exige-se experiência mínima de cinco anos como costureira, comprovada em carteira de trabalho. Os candidatos precisam possuir conhecimentos práticos em costura industrial, em máquina reta e overloque. Não podem ter vínculos empregatícios de qualquer natureza e devem estar em dia com os direitos civis e políticos, precisando ainda ter disponibilidade para participar de cursos de formaçãona Escola de Qualificação do Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo.

saiba antes via instagram @revistamaissantos