PUBLICIDADE

bem estar

Cirurgias íntimas cresce 20% entre as brasileiras

Especialista fala sobre os cuidados de pr√© e p√≥s-operat√≥rio e diz que cirurgia deixou de ser ‚Äėtabu‚Äô entre as mulheres

Voc√™ sabe o que √© ninfoplastia¬†ou¬†labioplastia? √Č uma cirurgia pl√°stica que consiste na redu√ß√£o dos l√°bios vaginais das mulheres.¬†De acordo com o especialista Dr. Luiz Haroldo Pereira, o procedimento vem crescendo cerca de 20% no Brasil e custa entre R$ 5 mil e R$ 15 mil,¬†dependendo se feita em um consult√≥rio m√©dico ou com interna√ß√£o em hospital.

Famosas como a modelo Geisy Arruda e a ex-BBB Clara Aguilar j√° assumiram ter feito o procedimento.

Dr. Luiz Haroldo Pereira explica todo o processo e d√° detalhes sobre o crescimento pela busca nesta cirurgia.

“No Brasil, a cirurgia √≠ntima vem aumentando porque as mulheres est√£o mais √† vontade para discutir este procedimento, n√£o √© mais um tabu. √Č uma cirurgia que n√£o apresenta nenhum risco quando feita por um cirurgi√£o experiente”, conta Dr. Luiz Haroldo.

Al√©m da diminui√ß√£o dos l√°bios, √© poss√≠vel tamb√©m retirar a flacidez da √°rea √≠ntima, com enxerto de gordura. “Com o advento do enxerto de gordura para preencher a flacidez da regi√£o genital, feito por cirurgi√£o pl√°stico, as pacientes come√ßaram a nos procurar, em vez de ginecologistas. O enxerto s√≥ pode ser feito por um cirurgi√£o pl√°stico”, ressalta o m√©dico.

Para o pr√©-operat√≥rio, Luiz Haroldo conta: “Nenhum cuidado espec√≠fico. E, no p√≥s, assepsia da √°rea operada, ou seja, higiene. √Č importante tamb√©m n√£o ter rela√ß√Ķes sexuais por tr√™s semanas e usar compressas geladas porque normalmente incha e fica muito sens√≠vel.”

Sobre o pre√ßo, que varia se √© feito em hospital ou consult√≥rio m√©dico, Luiz Haroldo explica: “A cirurgia de corte, ou seja, retirada do excesso de pequenos l√°bios, √© melhor que seja feita em hospital. J√° o enxerto de gordura para aumentar o volume e corrigir a flacidez, pode ser feito tamb√©m em consult√≥rios.”