ONLINE 

*Por Jhessica Paixão

Fotos: Sérgio Ricardo Arquivo Pessoal


Arquiteta e Urbanista formada pela Universidade Católica de Santos (FAUS), Carla Felippi tem 25 anos de carreira. Com estilo predominante contemporâneo, ela assina projetos de arquitetura de interiores em diversas cidades brasileiras e até no exterior. Para a edição da Mais Santos Online desta semana, ela dá detalhes sobre seu belíssimo espaço na 20ª edição do Santos Arquidecor.

Conte um pouco a respeito do seu espaço. Ele foi projetado usando uma técnica especial, certo?

São 300m² de espaço. Incluindo a fachada dos patrocinadores, a bilheteria, o jardim de boas-vindas, um living e o lounge da Macuco. Esses ambientes foram feitos com a técnica da Arquitetura da Felicidade! Que é uma técnica utilizada por arquitetos do mundo inteiro, inspirada no filósofo e escritor Alain de Botton. E basicamente fala sobre o que realmente uma obra de arquitetura transmite para quem visita e mora nela. É muito importante que a gente cuide do espaço para que ele transmita felicidade para o seu morador. E que a gente use coisas na decoração que o ser humano se sinta bem. Como elementos naturais e iluminações de acordo com cada atividade. Aqui, usei fibras naturais como madeira e linho, que são elementos que o ser humano está acostumado há milhões de anos. O ser humano consegue entender que isso é confortável para ele. Não sabemos direito porque nos sentimos bem, mas o nosso DNA nos faz sentir confortável e acolhido. A casa, para as pessoas, tem o papel de um grande amigo. Não é apenas um abrigo físico, é também um abrigo psicológico. É muito gostoso poder voltar para casa e ter nossas coisinhas, tudo o que gostamos e acreditamos. E isso é a arquitetura da felicidade.

Como foi feita a escolha dos materiais e da paleta de cores?

As cores são inspiradas na paleta do mar! A ideia é que você pode reproduzir a sua coisa favorita mesmo que você não a tenha por perto, no meu caso, é o mar, e foi isso que fiz neste espaço. Então, se você não o tem perto de você, pode usar grandes fotografias do mar, por exemplo. Aqui, as cores são todas em tons de areia e madeira, você tem toda sensação de estar em uma praia, mesmo não estando perto dela. Lá fora, temos uma canoa com remos, e os elementos sempre te passam a expectativa de que você está chegando na praia.

Como foi o processo de criação do espaço?

Foi um processo muito rápido. Logo que visitei a casa, fiquei encantada por esse espaço e achei que ele daria um resultado interessante. O processo de criação é sempre muito rápido para mim. Eu criei uma coisa delicada, com distribuição toda funcional. Acho que antes de ficar bonito, tinha que funcionar. Usei uma rampa bem suave para que o visitante tivesse um acesso tranquilo, e o balcão de atendimento da bilheteria tem uma iluminação especial, então o visitante não ficará perdido e logo encontrará a entrada. No living, eu distribuí algumas funções, tem o espaço em que você pode sentar e ler olhando para o jardim, o outro em que você pode receber e conversar com a família e os amigos e o home theater, que é o pedido mais intenso do meu escritório: ambientes que possam ser usados juntos. Um lugar onde as crianças possam brincar por perto, o marido lendo ao lado, todo mundo usa o mesmo espaço. Compartimentar a casa é um jeito antiquado de utilizar a casa. Já o lounge da Macuco foi pensado para o atendimento dos clientes, no estilo home office. Tem espaço para guardar todas as coisinhas, um frigobar, e outros elementos que lembram a casa da gente.

O que você mais gosta no espaço? Tem alguma parte favorita?

Minha peça favorita é o painel de tensoflex, que é esse painel retroiluminado. Ele tem uma luz super sedutora e cênica, como se fosse um estúdio. Então, tudo que fica na frente dele fica lindíssimo! É incrível para usar em livings e quartos de casais, cria uma luz sedutora e confortável para quem entra em casa.

Existe algum tipo de projeto que você goste mais de trabalhar?

Todos são os meus favoritos! Cada espaço terá a sua história, vai contar um pouquinho do cliente, da história do momento dele. Acredito que todo espaço tem seu encanto.



saiba antes via instagram @revistamaissantos