1.6 // EDUCAÇÃOSANTOS

Escola de Santos motiva alunos através do grafite

“Grafitar estimula a criatividade e nos faz ir melhor na escola”. A opinião é da aluna Eloah Castro da Silva, 10 anos, do 5º ano da unidade Dos Andradas II, compartilhada pelas colegas Eduarda Ariane Carvalho Rodrigues e Ana Clara Moreira dos Santos. Para Gustavo Henrique Franco dos Santos, 10, o grafite o motiva a pensar nos temas e a criar desenhos, o que acaba influenciando seu desempenho escolar.

Eles participam da oficina de grafite iniciada este ano na escola, às terças e quintas-feiras à tarde, por meio do projeto Minha Comunidade, promovido União de Amparo à Comunidade de Escolas Públicas (Uacep). No total, são 150 estudantes envolvidos.

O responsável pela coordenação de projetos da ONG e idealizador do Minha Comunidade, Alex Tadeu Alves Rosa, destacou que a ideia é levar a ação para outras escolas. “No momento, as crianças estão atuando no ginásio. A próxima etapa é grafitar o pátio, os corredores e os muros externos”. Durante a atividade, os alunos utilizam máscaras e luvas de proteção.

“O grafite é transformador, uma ferramenta de comunicação de alcance enorme. Conforme o público que se quer atingir com uma mensagem, escolhe-se o tema e a visibilidade é grande”, afirmou o grafiteiro voluntário Marcos Twin, 39.

Fotos: Francisco Arrais

saiba antes via instagram @revistamaissantos