1.7 // ESPORTE 

Por Fellipe Camargo

O Brasil venceu a Bolívia por 5 a 3 e garantiu classificação ao quadrangular final com uma rodada de antecedência. Vivo na briga por uma das vagas nos Jogos Olímpicos de Tóquio, a seleção brasileira precisa ficar entre os dois melhores na próxima fase do torneio.

O jogo

Os comandados de André Jardine tiveram facilidade diante da Bolívia, que deu muitos espaços no setor defensivo na etapa inicial.

O primeiro gol brasileiro saiu aos dois minutos. Em jogada de Paulinho pela esquerda, o cruzamento encontrou Antony dentro da pequena área, que fez 1 a 0.

Aos 15 minutos, Matheus Cunha recebeu passe de calcanhar de Reinier, passou pela marcação boliviana e chutou na saída de Cordano, 2 a 0.

A vantagem fez com que a equipe brasileira tivesse um período de desatenção e, quatro minutos depois, foi castigada. Vaca deu bom passe para Abrego, que entrou na área e chutou no canto direito de Ivan, 2 a 1.

Ainda no primeiro tempo, o Brasil ampliou. Matheus Henrique deu passe preciso para o lateral-direito Guga, livre na área boliviana, chutou alto, fora do alcance se Cordano, 3 a 1.

Já no segundo tempo, o Brasil seguiu com liberdade nas criações das jogadas, mas a Bolívia viu também a Bolívia ser mais perigosa na reta final do jogo.

Aos 16 minutos, um contra-ataque rápido puxado por Antony, que avançou pela direita e rolou na meia-lua para Paulinho. Ele tocou para Reinier, que bateu cruzado no canto esquerdo do goleiro boliviano, 4 a 1.

Mas, aos 25 minutos, vacilo da defesa brasileira. John García encontrou mais uma vez Abrego livre na área, e o camisa 19 bateu na saída de Ivan, 4 a 2.

A Bolívia ganhou confiança na reta final do jogo e conseguiu marcar o terceiro. Saldías cruzou da direita, e o zagueiro Reyes se antecipou a Guga para marcar de cabeça, na pequena área, 4 a 3.

A vitória, que tinha cara de goleada, terminou com contornos dramáticos, mesmo após expulsão do meia Vaca e um jogador a mais em campo.

Ainda nos acréscimos, Pepe recebeu pelo lado esquerdo na grande área e finalizou no alto, 5 a 3. O gol tranquilizou a seleção que segue com 100% de aproveitamento no Pré-Olímpico.

Próximo jogo

O Brasil volta a campo nesta sexta-feira, 22h30 (horário de Brasília) contra o Paraguai, na cidade de Armênia, na Colômbia. Já a Bolívia encara a seleção peruana, no mesmo estádio a partir das 20 horas.

(Foto: Reprodução/Twitter Conmebol)

saiba antes via instagram @revistamaissantos