1.7 // ESPORTEREGIÃO 

Da redação

Praia Grande ganhará duas novas sedes de escolas de surfe. As unidades contam com modernidade e são totalmente acessíveis para pessoas com deficiência. Os equipamentos, que devem continuar atendendo estudantes do projeto SuperEscola, estão sendo construídos no calçadão da orla dos Bairros Ocian e Canto do Forte. A primeira etapa da obra deve ser finalizada até o primeiro semestre de 2020.

As escolas terão aproximadamente 99,20 m², cada uma com 6,20m por 16m de área construída. Os equipamentos estão sendo instalados na área rebaixada do calçadão, no nível da faixa de areia, por isso, as rampas já existentes estão sendo reformadas e readequadas seguindo padrões internacionais de acessibilidade.

Dentro dos equipamentos, serão instaladas áreas administrativas, armários, banheiros e vestiários (femininos e masculinos) adaptados, com chuveiros e sanitários acessíveis; além de áreas específicas para guardar adequadamente as pranchas utilizadas nas aulas.

Todas as unidades serão cercadas por painéis artísticos de 4,20 metros de altura, com temática praiana, que reproduzirão em alto relevo colorido cenários relativos ao oceano. E o entorno entre a construção e os painéis contará com piso intertravado emborrachado, nos moldes do existente no Parque da Cidade, que absorve melhor impacto e calor.

Atualmente, as obras estão concentradas na unidade do Bairro Canto do Forte, que está sendo construída na altura da Rua Marechal Eurico Gaspar Dutra. A Prefeitura também realiza serviços de drenagem e os preparos para o levantamento da estrutura.

O arquiteto da Coordenadoria de Projetos Especiais da Prefeitura, André Luiz de Souza Cappra, explicou que as unidades terão temáticas muito específicas, trazendo ainda mais beleza aos trechos. “Além de ser um equipamento público, a ideia é que o local vire também um ponto turístico, onde as pessoas possam parar para tirar fotos e curtir um prédio bonito e bem artístico”.

saiba antes via instagram @revistamaissantos