3.3 // CINEMACOTIDIANO

Filme com recursos de acessibilidade é exibido na Vila Progresso

Foto: Divulgação

O que você faria se fosse cego por muitos anos e descobrisse hoje que poderia recuperar a visão? Quais seriam os sentimentos envolvidos? Este é o drama vivido pelo personagem Vitório (interpretado por Edson Celulari) no filme Teu mundo não cabe nos meus olhos, que será exibido no próximo dia 7 de dezembro, às 19h30, na Vila Criativa da Vila Progresso (Rua Três s/nº).

O filme contará com recursos de acessibilidade: audiodescrição, Libras e legenda. A ação é alusiva ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, comemorado no dia 3 de dezembro.

Segundo o Coordenador de Políticas para a Pessoa com Deficiência, Daniel de Moraes Monteiro, o filme será exibido com recursos de acessibilidade pela primeira vez em Santos e o objetivo é promover o conceito de que a cultura precisa estar ao alcance de todos. “Os recursos de audiodescrição, legenda e Libras não beneficiam apenas as pessoas com deficiência, mas também muitas outras com dificuldades de leitura, idosos e outros públicos que poderão ter um melhor entendimento da história”.

A ação é uma iniciativa da Coordenadoria de Políticas para a Pessoa com Deficiência, da Secretaria de Desenvolvimento Social, com apoio da Secretaria de Cultura.

ENREDO

Vitório, cego de nascença, é dono de uma pizzaria herdada por seu pai no tradicional bairro do Bixiga, em São Paulo, e é considerado famoso por oferecer a melhor pizza dos arredores. Vivendo uma vida feliz com a mulher Clarice e a filha Alícia, ele sente que superou todas as dificuldades da cegueira e que deu a volta por cima. Mas, ao descobrir que existe a possibilidade de enxergar, Vitório inicia um conflito consigo mesmo e precisa tomar uma grande decisão.

saiba antes via instagram @revistamaissantos