CINEMACULTURA 

Por Bárbara Farias

Sala lotada, emoção, aplausos e a presença do ator Ghilherme Lobo marcaram a pré-estreia de “Divaldo: O Mensageiro da Paz”, na noite de ontem, no Cine Roxy 4, no Pátio Iporanga, no Gonzaga. A equipe da Revista Mais Santos foi convidada para a sessão especial só para convidados oferecida pela Assessoria de Comunicação do Roxy. Membros de instituições espíritas também foram convidados e prestigiaram o filme.

O longa-metragem, dirigido por Clovis Mello, retrata a vida do médium Divaldo Pereira Franco, sua descoberta e missão voltada à caridade por meio do espiritismo. Ainda no elenco, Bruno Garcia (Divaldo Franco), Regiane Alves (Joanna de Ângelis), Laila Garin (Dona Ana, mãe de Divaldo), Marcos Veras (espírito obsessor) entre outros.

O ator Ghilherme Lobo, de 24 anos de idade, interpreta o médium jovem. “É uma responsabilidade, um desafio e enquanto artista é uma grande oportunidade. Contar uma história que existe é sempre um grande privilégio, ainda mais sobre um figura pública. É lindo poder contar uma história de uma pessoa cuja existência melhorou a vida de tanta gente”, afirmou Ghilherme à Mais Santos.

Perguntado sobre o que tem em comum com o médium Divaldo Franco, Ghilherme respondeu: “As semelhanças físicas, a estatura, que é praticamente igual, e o momento de vida que eu fui responsável por interpretar no filme é bem parecido como o momento de vida que eu estava. O Divaldo tinha entre 20 e 25 anos nessa fase da vida, eu estou com 24, os anseios dessa fase da vida, abrir mão de algumas coisas para ter outras. Então, acho que isso nos aproxima. Eu gostaria de ter mais semelhanças. Gostaria de fazer o que ele faz, mas acho que, do nosso modo, acabou fazendo, como forma de inspiração”.

Interpretar Divaldo Franco não é o primeiro papel de Ghilherme Lobo no cinema, ele estreou em “Hoje eu quero voltar sozinho” (2014), de Daniel Ribeiro. Guilherme interpretou Leonardo, um adolescente cego, que tenta lidar com a mãe superprotetora ao mesmo tempo em que busca sua independência. Quando Gabriel (Fabio Audi) chega na cidade, novos sentimentos começam a surgir em Leonardo, fazendo com que ele descubra mais sobre si mesmo e sua sexualidade.

O filme estreia nesta quinta-feira (12) nos cinemas e o ator convida o público a prestigiar essa obra do cinema nacional. “Venham assistir ‘Divaldo: O Mensageiro da Paz’, mas venham logo na primeira semana. É um filme que vai além da religião. É um filme para ampliar conceitos, contra preconceitos”, finalizou Ghilherme.

“Divaldo: O Mensageiro da Paz” é uma produção da Estação Luz Filmes, com lançamento e distribuição da Fox Film do Brasil.

Leia mais sobre o filme na Coluna de Cinema da Mais Santos, no próximo domingo (15).

saiba antes via instagram @revistamaissantos