1.0 // SANTOS1.7 // ESPORTE

Ricardo Gomes chega para segurar Jair Ventura no Peixe

Por Paulo Alberto

Alô, Alô Nação Santista, um grande abraço. O ex-jogador e técnico Ricardo Gomes é o novo diretor executivo de futebol do Santos. Ele será apresentado nesta quinta-feira (21), às 14 horas, no Business Center do clube, em São Paulo, e assumirá o cargo, que está vago desde a saída de Gustavo Vieira, em fevereiro.

Aos 53 anos, Gomes teve uma carreira bem sucedida em campo, como zagueiro. Começou no Fluminense, de onde partiu para a Europa, jogando no Benfica e no Paris Saint-Germain. Em 1994, seria titular na Copa dos Estados Unidos, mas foi cortado às vésperas do Mundial, após sofrer uma lesão muscular.

O último trabalho como treinador foi no ano passado, no Al Nassr, da Arábia Saudita. Portanto, será a primeira oportunidade, no Peixe, de exercer a função de executivo do futebol para receber cerca de R$ 150 mil por mês. Isso é gestão profissional…

A diretoria do Santos decidiu manter Jair Ventura como técnico do Peixe. A confirmação veio depois de uma reunião entre o Comitê de Gestão, na noite desta quarta-feira (20), na Vila Belmiro. Embora não fosse unanimidade entre os nove integrantes do Comitê de Gestão, o treinador será mantido no cargo após a parada para a Copa do Mundo. O técnico sofria forte pressão, principalmente por parte da torcida, por conta do desempenho da equipe. Em 35 partidas, o Peixe tem 14 vitórias, sete empates e 14 derrotas. A contratação de Ricardo Gomes para o cargo de executivo de futebol também pesou na decisão da diretoria. Ele trabalhou com o treinador no Botafogo (Jair era o auxiliar técnico).

O Santos viaja ao México no início de julho, onde faz ao menos dois amistosos: contra o Monterrey, dia 7 e contra Querétaro, dia 10. A primeira partida oficial após a parada para a Copa do Mundo ocorre no dia 18 do próximo mês, o clássico contra o Palmeiras, às 20h, no Pacaembu.

Meus amigos, não me conformo do nosso Santos FC fazer excursão ao México sem ter nenhuma cota fixa, apenas os clubes mexicanos pagando transportes, hotel e alimentação. Lamentável essa gestão, que se diz profissional.

O Santos chegou a um acordo com o Monterrey, do México, para conseguir a liberação do volante Carlos Sánchez (33 anos). O clube pagará U$S 1 milhão (R$ 3,7 milhões) para que o atleta deixe o clube mexicano após a Copa do Mundo antes do término de seu contrato, válido até em dezembro deste ano. A diretoria ofereceu U$S 90 mil mensais (R$ 337 mil), mas os representantes do atleta não aceitaram e prometeram enviar uma contraproposta. Confesso que lembrei da polêmica contratação do Leandro Donizete. Agora, mais essa para a história do clube.

Curiosidades: As Sereias da Vila bateram a Ponte Preta, na Vila Belmiro, no último dia 19, por 2 a 0, com dois gols de cabeça, de Rosana e Maria. Com o resultado, o Santos segue invicto e se isola ainda mais na liderança do grupo 2 da competição, chegando a 19 pontos de 21 possíveis, com seis vitórias e um empate. O Flamengo, segundo colocado, tem apenas 12. Nos primeiros seis jogos da competição, as Sereias haviam anotado 24 gols, média de quatro por jogo, o melhor ataque do certame.

Abraço Especial: Aos proprietários Elcio, Rafael, Geny, Andreia e a todos os funcionários da Belmiro Bolos, que fica Rua Carvalho de Mendonça, 382 em Santos, deliciosos bolos caseiros e tortas de primeira qualidade. É gente ligado na gente. Não há distância que nos separe, Tradição é Tradição, os bons tempos estão de volta. A todos, Deus conduz.

CAPITÃO PAULO ALBERTO
DRT : No 33.858

 

Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo

saiba antes via instagram @revistamaissantos