Sem categoria

CAPA: Turismo e ecologia no litoral sul de SP

         Fotos: Alf Ribeiro 

O litoral Sul de São Paulo reserva para os turistas uma viagem agradável em meio a muita natureza e praias tranquilas. A região compreende as cidades de Mongaguá, Itanhaém, Peruíbe, Iguape, Ilha Comprida e Cananéia. Um dos grandes destaques é a Estação Ecológica Juréia-Itatins.

Com uma área de 80 hectares na Serra do Itatins, a reserva abriga espécies de Mata Atlântica e incríveis praias e cachoeiras. Dividido pelos municípios de Peruíbe, Iguape, Itariri e Miracatu, o local é ótimo para fazer trilhas e observar os animais nativos.

Quem gosta de pescar vai adorar conhecer Cananéia. O calçadão da praia, além de favorecer a pesca, é bom para passeios noturnos e relaxar ao som do mar.

Fundada pelos portugueses em 1502, Cananéia é um dos municípios mais antigos do Brasil e preserva ainda algumas construções no seu centro histórico. Do píer da cidade partem barcos que realizam passeios para as Ilhas do Cardoso e Comprida no caminho não estranhe se for surpreendido pela presença de golfinhos. A extração de ostras é intensa e pode-se comprar a iguaria diretamente dos coletores.

CANANÉIA: O LITORAL SUL DE EXTREMA BELEZA

Considerada um dos maiores berçários de vida marinha do planeta, Cananéia está situada no extremo sul do litoral paulista, no centro de um corredor biológico de 110 quilômetros da foz do Rio Ribeira em Iguape até a baia de Paranaguá.

A cidade é tombada pela UNESCO como Patrimônio Natural da Humanidade e apontada como o melhor roteiro ecológico do mundo. Segundo alguns dados, é também a mais antiga do Brasil, mas por falta de documentação oficial, São Vicente é a oficialmente reconhecida.

O destino é também conhecido por ser ponto de partida para as ilhas preservadas do litoral sul, como a Ilha do Cardoso, Bom Abrigo e Comprida, acessíveis por barcos e escunas, que te levam a belezas naturais.

Além das belezas naturais e passeios lindos, a região é um santuário ambiental repleto de espécies de fauna e flora, com lagunas à beira-mar, vegetação de restingas e Mata Atlântica, além de mangues que são verdadeiros viveiros de peixes.

Para quem gosta de tranquilidade e paz, vale a pena conhecer a atração que fica no km 12 da estrada do Ariri. Além de desfrutar da cachoeira, o visitante pode conhecer a cultura e costumes da comunidade do Mandira.

Ar rústico, vila antiga e centro histórico colorido, é um dos pontos fortes de Cananéia, além das praias. Com construções do século 17, a cidade abriga cenário colonial com o casario, que é batizado por ter sido iluminada por lampiões e a Igreja de São João Batista, erguida em 1577 e restaurada em 1769.

Quer mais um motivo para visitar esse lindo destino pertinho de São Paulo? A gastronomia. Cananéia é a capital gastronômica do Vale do Ribeira. Lá, a extração de ostras é intensa e os visitantes podem comprar e come-las fresquinhas. 

Como chegar

De carro

Saindo de São Paulo para Cananéia, distante 260 Km, é preciso entrar na Rodovia SP-226 e desembolsar 5,40 de pedágio. 

De ônibus

Em São Paulo, as viagens partem da Rodoviária do Jabaquara:

Cananéia – ida: R$ 55,60; volta: R$ 55,60

saiba antes via instagram @revistamaissantos