PUBLICIDADE

- INVIS√ćVEL

7 males que o cigarro provoca no corpo humano

7 males que o cigarro provoca no corpo humano

O cigarro pode causar cerca de 50 doen√ßas diferentes, especialmente problemas ligados ao cora√ß√£o e √† circula√ß√£o, c√Ęnceres de v√°rios tipos e doen√ßas respirat√≥rias. Parece papo de ex-fumante, mas √© a pura verdade: em cada tragada s√£o inaladas 4 700 subst√Ęncias t√≥xicas. Entre elas, tr√™s s√£o consideradas as piores.
A primeira √© a nicotina, que provoca depend√™ncia e chega ao c√©rebro mais r√°pido que a temida coca√≠na, estando associada aos problemas card√≠acos e vasculares (de circula√ß√£o sangu√≠nea). A segunda √© o mon√≥xido de carbono (CO), aquele mesmo que sai do cano de escapamento dos carros. Ele combina com a hemoglobina do sangue (respons√°vel pelo transporte de oxig√™nio) e acaba reduzindo a oxigena√ß√£o sangu√≠nea no corpo. √Č por causa da a√ß√£o do CO que alguns fumantes ficam com dores de cabe√ßa ap√≥s passar v√°rias horas longe do cigarro. A terceira subst√Ęncia tida como grande vil√£ √© o alcatr√£o, que re√ļne v√°rios produtos cancer√≠genos, como pol√īnio, chumbo e ars√™nio.
Todo c√Ęncer relacionado ao fumo ‚Äď como na boca, laringe ou est√īmago ‚Äď tem alguma liga√ß√£o com o alcatr√£o. A uni√£o desse poderoso trio de subst√Ęncias na composi√ß√£o do cigarro s√≥ poderia tornar o produto extremamente nocivo √† sa√ļde. Para se ter uma ideia, 90% dos casos de c√Ęncer de pulm√£o ‚Äď a principal causa de morte por c√Ęncer entre os homens brasileiros ‚Äď est√£o ligados ao fumo.

Sete principais males do cigarro ao seu organismo:

1. Da c√°rie ao c√Ęncer
O tabagismo provoca v√°rios estragos na regi√£o da boca. Al√©m de modificar o h√°lito, a fuma√ßa irrita a gengiva e pode facilitar o surgimento de c√°ries. H√° tamb√©m uma altera√ß√£o nas papilas gustativas, o que afeta o paladar do fumante. O cigarro ainda aumenta os riscos de c√Ęncer de boca, apesar de ser menos prejudicial nesse aspecto que o charuto.

2. Chapa preta
V√°rias subst√Ęncias t√≥xicas presentes na fuma√ßa fazem os tecidos dos pulm√Ķes perderem elasticidade, o que acarreta uma destrui√ß√£o parcial da estrutura desses √≥rg√£os. √Č isso que as chapas de pulm√£o dos fumantes ‚Äď bastante escuras ‚Äď mostram. Das mortes provocadas por bronquite ou enfisema, 85% est√£o associadas ao cigarro. O c√Ęncer de pulm√£o √© ainda a principal causa de morte por c√Ęncer entre fumantes.

3. Trabalho com a nicotina
A nicotina aspirada pelo fumante segue para o f√≠gado, onde √© metabolizada. Por isso, esse √≥rg√£o tamb√©m est√° sujeito a desenvolver c√Ęncer.

4. Est√īmago embrulhado
J√° foram encontrados res√≠duos de um agrot√≥xico chamado DDT em amostras do alcatr√£o que comp√Ķe o cigarro. O DDT irrita as paredes do est√īmago e pode levar o fumante a sentir n√°useas. Al√©m disso, uma parte das subst√Ęncias t√≥xicas do cigarro √© metabolizada no est√īmago, o que pode gerar gastrite, √ļlcera e at√© mesmo c√Ęncer.

5. Risco de derrame
O cérebro também pode ser afetado pelas dificuldades de circulação causadas pelo cigarro. Os vasos comprimidos, a qualidade de sangue prejudicada e o aumento da pressão arterial podem resultar em derrame cerebral.

6. Circulação comprometida
A nicotina diminui a espessura dos vasos sanguíneos e o monóxido de carbono reduz a concentração de oxigênio no sangue. Assim, o fumante está mais sujeito a vários problemas relacionados à circulação, como aneurismas (dilatação de vasos sanguíneos que favorece os derrames), tromboses (entupimento de vasos), varizes e até uma doença chamada tromboangeíte obliterante, que afeta as extremidades do corpo, podendo levar à amputação de membros.

7. Infarto à vista
Um dos √≥rg√£os mais afetados √© o cora√ß√£o. A a√ß√£o da nicotina faz com que o corpo absorva mais colesterol. O cigarro tamb√©m eleva a press√£o arterial e a freq√ľ√™ncia card√≠aca, que sobe at√© 30% durante as tragadas. Tudo isso √© fator de risco para problemas no cora√ß√£o, tornando o fumante mais propenso a ter infartos.
Fonte: Revista Mundo Estranho