PUBLICIDADE

- INVIS√ćVEL

Argentina investiga colisão de helicópteros que matou atletas franceses

Investigadores inspecionaram hoje o local da queda dos dois helicópteros que colidiram no ar na Argentina na segunda-feira, recolhendo telefones, pedaços de papel e outros itens carbonizados dos dez tripulantes das aeronaves.

O acidente, que aconteceu perto do vilarejo de Villa Castelli, no noroeste da Argentina, teve entre as vítimas os medalhistas olímpicas Camille Muffat, nadadora, e Alexis Vastine, boxeador, além da velejadora Florence Arthaud. Os três participavam de um reality show que era gravado na região.

O dia foi marcado por manifesta√ß√Ķes de condol√™ncias na Fran√ßa, onde o presidente Fran√ßois Hollande disse sentir “imensa tristeza” pelo acontecimento. O Comit√™ Ol√≠mpico Internacional anunciou que ir√° hastear sua bandeira a meio-mastro por tr√™s dias.

De acordo com o diretor de aviação do estado de La Rioja, Daniel Gorkich, ambos os pilotos eram super bem treinados. Gorkich acredita que o sol da tarde e os fortes ventos podem ter alguma relação com o acidente.

“O sol estava se pondo nos Andes, de frente para os pilotos. E esta √°rea tamb√©m sofre com vendavais”, disse o oficial.

As duas aeronaves fabricadas pela Eurocopter ca√≠ram a cerca de 15 metros de dist√Ęncia uma da outra, depois de colidirem no ar. Um v√≠deo divulgado na internet mostra o momento em que as p√°s da h√©lice do primeiro helic√≥ptero tocaram o segundo, fazendo com que os dois helic√≥pteros perdessem o controle. Fonte: Associated Press.

Fonte: Estad√£o Conte√ļdo