PUBLICIDADE

- INVIS√ćVEL

Artista plástico francês faz trabalho para valorizar variedade de tons de pele dos brasileiros

Em 2009, quando o artista pl√°stico franc√™s Pierre David se mudou para Salvador, ele ficou impressionado com a imensa variedade de tons de pele dos brasileiros. Resolveu fazer uma colet√Ęnea das cores que encontrou e elaborou uma cartela. O projeto, chamado Nuancier (amostras em franc√™s), foi apresentado no Museu de Arte Moderna de Salvador e agora est√° na cidade natal do artista, Clermont-Ferrand, na Fran√ßa .

pierre-david-nuances_0_0

pierre-david-nuances_3

Mas ele não parou no catálogo. David percebeu que os 40 funcionários do museu tinham tons de pele diferentes. Ele fotografou as costas de cada um e fez uma paleta. Depois, mandou as cores para uma fábrica e pediu que fossem produzidas tintas naqueles tons. Cada cor foi aplicada a uma parede do museu. O artista completou a instalação com retratos dos funcionários.