PUBLICIDADE

- INVISÍVEL

EUA recuperam US$ 16 bilhões em multas graças a informantes

A ação de informantes, também conhecidos como whistleblowers (em tradução literal, “sopradores de apito”, como são chamados aqueles que denunciam a ocorrência de atividades ilegais em suas organizações) já rendeu ao governo dos Estados Unidos pelo menos US$ 16,86 bilhões a mais em multas contra empresas e funcionários envolvidos em crimes financeiros, segundo estudo de pesquisadores das universidades americanas de Iowa, Texas A&M, Arizona State e American University.