PUBLICIDADE

- INVIS√ćVEL

Férias, agrados e gorjetas

colunistas_claudia_matarazzo

 

 

 

√Čpoca de f√©rias ‚Äď del√≠cia: viagens, convites, mudan√ßa de cen√°rio! Um dia na casa de um , dois na casa de outro, uma semana em uma pousada linda‚ĶMelhor que isso s√≥ indo novamente.

Pois para ser sempre bem vindo na casa de anfitri√Ķes especiais ou recebido com alegria em hot√©is que valem a pena, √© preciso que sua presen√ßa seja lembrada de forma leve e positiva e n√£o sentida como um peso. E detalhes ‚Äď sempre eles ‚Äď podem ajudar muito, marcando v√°rios pontos a seu favor.

Gorjetas ‚Äď quando e como distribuir? ‚Äď √© fundamental compensar os outros por bons servi√ßos prestados. O c√°lculo pode ser feito por dia. Por exemplo: para o caseiro de seu amigo, um ter√ßo de uma di√°ria de servi√ßo equivalente, por dia que passou na casa dele. Some os dias e pague ao final da temporada.

Mas aten√ß√£o: h√° anfitri√Ķes que n√£o gostam que os empregados sejam gratificados pois acham que ‚Äúinflaciona‚ÄĚ o sal√°rio ‚Ķ De modo que √© importante comunicar o quanto est√° dando, para que a dona da casa lhe diga se est√° adequado ou n√£o.

Quando h√° outros h√≥spedes ‚Äď e mais de um empregado √© interessante fazer uma coleta entre os demais h√≥spedes presentes para que o valor seja maior para quem recebe e at√© tamb√©m porque se divide mais democraticamente essa despesa.

O que levar para os donos da casa? ‚Äď depende do gosto e da intimidade que se tem. Vinhos caprichados e outras bebidas podem agradar muito, mas apenas se voc√™ conhecer o gosto espec√≠fico de seu anfitri√£o ou levar algo de qualidade incontest√°vel. Um enfeite para a casa, se voc√™ j√° conhecer o local, √© sempre bem vindo.

Petiscos raros como geleias especiais, pimentas exóticas e trufas também fazem bonito. O que não pode é deixar passar em branco.