PUBLICIDADE

- INVISÍVEL

Helicóptero é cercado por jacarés após pouso forçado no Rio

Não bastou o pouso de emergência. Para os dois ocupantes de um helicóptero modelo Robinson R22, que decolou às 8h15 de terça-feira, 10, do Aeroporto de Jacarepaguá, na zona oeste do Rio, e precisou aterrissar pouco depois, o pior foi esperar pelo resgate em meio a jacarés, abundantes na região pantanosa onde a aeronave parou, no Bosque da Barra. Quando os bombeiros chegaram, a dupla estava impossibilitada de deixar a aeronave.

Acionados, os homens do quartel da Barra da Tijuca precisaram isolar a área e espantar os animais para resgatar o piloto e o aluno. O bosque, de 50 hectares, é reduto de jacarés. Vivem ali pelo menos 40 deles.

Estavam no helicóptero o piloto Gustavo R., de 33 anos, e o aluno João Ricardo T., de 28. Eles foram retirados sem ferimentos e dispensaram atendimento médico. Os dois faziam um voo de instrução, operado pela Nacional Escola de Pilotagem, que também fica em Jacarepaguá. De acordo com a Infraero, o helicóptero voltaria para o aeroporto no fim do voo.

Fonte: Isto é