PUBLICIDADE

- INVISÍVEL

Implantação das ciclovias da Jovino e Eleanor chega à etapa final

  A obra da ciclovia no canteiro central da Avenida Jovino de Melo, com 1.550 metros de extensão, atingiu 95% do cronograma. E a pista da Avenida Eleanor Roosevelt (780 metros), tem 98% dos serviços executados. As duas, interligadas pela rotatória recém-implantada na confluência com a Avenida Nossa Senhora de Fátima, devem ser concluídas até dezembro.

 

Além da ciclovia, a Jovino de Melo vem recebendo intervenções em toda a sua extensão, com serviços na etapa final. A via é um dos corredores de ônibus da primeira etapa de obras da entrada de Santos, para ligação com a Rua Zelnor Paiva Magalhães (continuação da Rua Júlia Ferreira), por meio da futura Avenida Beira Rio.

Os serviços incluem 3.100 metros de passeio no padrão Calçada para Todos e pavimentação em toda a pista, iluminação por lâmpada tipo LED, modernos pontos de ônibus e totens, nova sinalização, embutimento de dutos e paisagismo no entorno da ciclovia.

 

PONTILHÕES

A obra inclui ainda seis prolongamentos de pontes para comportar ciclistas e pedestres, seis novas passarelas de pedestres, quatro pontilhões para veículos, pessoas e bicicletas, já prontos. E começou este mês o estaqueamento do último pontilhão previsto para a Jovino de Melo, na confluência com a Rua Cristiano Solano.

A ponte terá 319 m² para permitir a passagem, com segurança, de carros, bicicletas e pedestres. A estimativa é de que seja entregue até fevereiro do próximo ano. A intervenção faz parte das obras da entrada da Cidade, melhorias na Zona Noroeste e Região Central Histórica, que somam investimento de R$ 41 milhões.