PUBLICIDADE

- INVISÍVEL

Mostra de Cinema homenageia José Wilker

Entre os dias 7 e 19 de abril, a Caixa Cultural, no Centro do Rio, recebe a mostra “José Wilker – 50 Anos de Cinema”, que homenageia o ator pelos 50 anos de carreira e, também, pelo um ano de sua morte. Os filmes mais emblémáticos do de Zé Wilker foram selecionados, ao todo são 30 obras na programação. Os ingressos custam R$4.

Wilker estourou no cinema brasileiro com o filme “Dona Flor e Seus Dois Maridos”, de Bruno Barreto, em 1976. O longa está na programação da mostra ao lado de filmes famosos como “O Casal” (1975), de Daniel Filho, “O Homem da Capa Preta” (1987), de Sergio Rezende, “Bye Bye Brasil” (1979), de Cacá Diegues. E, obras raras como “Filha da Mãe” (1990), filme inédito no Brasil, dirigido pelo português João Canijo, e o curta “Eu Sou vida; eu não sou morte” (1970), de Haroldo Marinho Barbosa também estão na mostra.

A programação conta ainda com debates sobre a obra de Zé Wilker. Na quinta (9), às 19h, haverá o debate “O Casal e For All além de Bye Bye”, com a atriz Betty Faria e o cineasta Luiz Carlos Lacerda. Na outra quinta (16), às 19h, o tema será “José Wilker no cinema e na TV”, com a produtora Mariza Leão e o diretor Moacyr Góes.