PUBLICIDADE

- INVISÍVEL

Sex shop para muçulmanas será inaugurada

A cidade sagrada de Meca, na Arábia Saudita, ganhará uma sex shop, compatível com sharia, a lei islâmica, para a venda de produtos eróticos a mulheres muçulmanas. A marca El Asira, que começou em Amsterdã, na Holanda, em 2010, levará seus serviços para um dos locais mais sagrados do Islã no país.

A cidade é visitada por milhões de muçulmanos todos os anos na peregrinação “haji”, um ritual histórico e religioso de desapego, arrependimento e reflexão. O fundador da marca Abdelaziz Aouragh anunciou sua ideia no ano passado e, agora, de acordo com o site Alyaoum24, a loja está quase pronta para abrir.

Para garantir que os produtos estejam de acordo com as leis e os costumes locais, clérigos muçulmanos e xeiques sauditas foram consultados. A marca não irá vender produtos como bonecas infláveis e vibradores, mas sim óleos e outros acessórios que aumentem a sensação de sensualidade.