PUBLICIDADE

Região / Cotidiano

Vigilância Sanitária intensifica ‘Operação Semana Santa’

A equipe de fiscais monitora itens como a refrigeração do pescado, textura, cheiro, aparência, entre outros, a fim de garantir a qualidade do produto.

 

Foto: Divulgação / Prefeitura de Guarujá

Da redação

Para garantir a qualidade do pescado vendido, a ‘Operação Semana Santa’, da Vigilância Sanitária da Prefeitura de Guarujá, está desde a última semana percorrendo todos os pontos de venda desse tipo de alimento em locais como Perequê, Astúrias, Enseada e Vicente de Carvalho, passando pelas grandes distribuidoras. Durante estes dias, por conta da Semana Santa, os trabalhos foram intensificados pelas equipes.

O fiscal monitora itens como a refrigeração do pescado, o cheiro, a textura, a cor dos olhos, se há a presença de insetos e o armazenamento. “A procedência do gelo também é avaliada como satisfatória ou não”, segundo o superintendente de Vigilância em Saúde da Prefeitura.

De acordo com a administração municipal, este ano, a novidade é a exigência da comprovação da temperatura em que se encontra o pescado para a venda. “Todos os anos é realizada essa blitz da Semana Santa para garantir que os pescados estejam próprios para consumo. A partir deste ano, exigimos, também, que os comerciantes se preparem para comprovar a temperatura adequada para o pescado, que deve estar entre 2 e 8 graus. Nas próximas diligências, serão exigidos termômetros digitais que comprovem a temperatura adequada”, explica.