PUBLICIDADE

Santos / Cotidiano

Projeto ‘Oficinas Querô’ abre inscrições para nova turma de audiovisual

O processo seletivo é dirigido a estudantes ou formados em escolas públicas de Santos, São Vicente, Praia Grande e Cubatão, de baixa renda familiar. As inscrições vão até 20 de março. 

 

Foto: Divulgação / Prefeitura de Santos

Da redação

O Projeto Oficinas Querô está com inscrições abertas até o dia 20 de março para a turma 2024. As aulas são de graça e dirigidas a jovens de 16 a 20 anos. Neste ano, também oferecerá bolsa-auxílio aos selecionados. O processo seletivo é dirigido a estudantes ou formados em escolas públicas de Santos, São Vicente, Praia Grande e Cubatão, de baixa renda familiar.

As inscrições devem ser feitas por aqui. São disponibilizadas 40 vagas. O projeto ainda oferece transporte, acompanhamento psicossocial aos jovens junto às suas famílias, além da possibilidade de participar de eventos e passeios culturais. As aulas acontecerão de segunda a sexta, das 15h às 18h, de abril a dezembro, em Santos. Para mais informações, é necessário entrar em contato pelo WhatsApp do Querô (13) 3233-7084 ou pelo Instagram – @institutoquero.

Com atividades multidisciplinares focadas na democratização e no acesso à cultura, as Oficinas Querô utilizam o audiovisual como forma de socialização de jovens, buscando fortalecer suas identidades, dar voz às suas histórias, adquirir conhecimentos e despertar habilidades para a transformação pessoal e profissional. Durante um ano, os 40 selecionados aprendem as principais etapas de uma produção audiovisual, executando, no mínimo, três curtas-metragens.

Os jovens que mais se destacam no primeiro ano têm a possibilidade de, no ano seguinte, ingressar nas Oficinas Querô – Segundo Ano, para aprimorar as habilidades artísticas e técnicas adquiridas, com atividades voltadas às primeiras experiências profissionais e à produção de mais um curta-metragem. Todos os filmes são roteirizados, produzidos e gravados pelos próprios jovens, sob orientação da equipe e de aulas com profissionais do cinema nacional convidados. Após lançados, os filmes são inscritos nos principais festivais de cinema do País disponibilizados publicamente no YouTube da Instituição