PUBLICIDADE

Santos / Cotidiano

Santos pode ficar sem 么nibus municipais na pr贸xima segunda-feira

Da Reda莽茫o

Cerca de 130 么nibus municipais de Santos, da empresa Piracicabana, n茫o sair茫o das garagens na pr贸xima segunda-feira (26). Os motoristas e demais profissionais estar茫o em greve.

A medida foi aprovada em assembleia do sindicato dos trabalhadores em transportes rodovi谩rios na manh茫 desta segunda-feira (19), na garagem da empresa. Eles est茫o em 鈥榚stado de greve鈥 desde 24 de junho.

Se at茅 sexta-feira (23) a empresa n茫o atender as reivindica莽玫es para a data-base de maio, a greve ser谩 deflagrada na madrugada de segunda (26). A categoria reivindica reajuste salarial de 7,59% e 11,11% nos benef铆cios.

Nesta ter莽a-feira (20), o presidente do sindicato, Valdir de Souza Pestana, publicar谩 na imprensa local o aviso aos usu谩rios e autoridades estabelecido pela lei de greve (7783-1989).

Todos demitidos

O dia da dire莽茫o sindical come莽ou bem cedo e 鈥榪uente鈥 nesta segunda-feira, 脿s 3 horas, mesmo com os term么metros marcando 11 graus. 脌s 6 horas, houve a assembleia, com atraso na sa铆da dos 么nibus.

Ap贸s a assembleia, a diretoria espalhou-se pelos pontos finais da cidade e convocou os motoristas para um protesto na Pra莽a Mau谩, diante da Prefeitura, onde 72 么nibus ficaram parados das 10 脿s 11 horas.

O presidente Valdir de Souza Pestana e o vice Jos茅 Alberto Torres Sim玫es 鈥楤etinho鈥 informaram sobre of铆cio demitindo cerca de 300 funcion谩rios, dos quais 185 motoristas, com verbas rescis贸rias pagas em 36 vezes.

A dire莽茫o sindical cobrou do prefeito Rog茅rio Santos (PSDB), por meio de discursos, se ele tem conhecimento da decis茫o da empresa de abandonar o servi莽o na cidade.

Sindicato esperan莽oso

Pestana e Beto ponderam que o prefeito 茅 o gestor constitucional do servi莽o p煤blico de transporte coletivo. At茅 o final da tarde, a prefeitura n茫o respondeu ao sindicato.

Os sindicalistas lembram que a BR Mobilidade, empresa do mesmo grupo da Piracicabana, concedeu os reajustes aos trabalhadores das linhas intermunicipais da regi茫o (Bertioga e Itanha茅m).

A Piracicabana tamb茅m opera o servi莽o em Praia Grande, onde as negocia莽玫es dever茫o ter desfecho satisfat贸rio durante a semana. A dire莽茫o sindical ainda tem esperan莽a de resolver o problema em Santos.

鈥淣ossa maior arma 茅 a greve e ela est谩 decretada鈥, diz Pestana. 鈥淢as estamos dispostos a interceder de outras formas para os motoristas e a popula莽茫o n茫o serem prejudicados鈥.

Outro lado

O Portal Mais Santos entrou em contato com a Piracicabana, mas n茫o obteve retorno at茅 o momento. Assim que a empresa se posicionar, ser谩 inclu铆da neste espa莽o.

Foto: Divulga莽茫o