PUBLICIDADE

Santos / Polícia

Homem é condenado por estuprar mais de 100 vezes as cunhadas menores de idade em Santos

Os crimes foram praticados entre 2014 e 2020, quando ambas tinham menos de 14 anos. A senten√ßa saiu na √ļltima quarta-feira (28).¬†

 

Foto: Google Street View 

Da redação 

Um homem, de 36 anos, foi condenado, em primeira inst√Ęncia, por estuprar as duas cunhadas, menores de idade, em Santos. Somadas, as penas em regime fechado chegam a 41 anos e tr√™s meses. Os crimes foram praticados entre 2014 e 2020, quando ambas tinham menos de 14 anos. A senten√ßa saiu na √ļltima quarta-feira (28).¬†

A defesa dele recorreu, alegando inocência. A identidade do suspeito não será revelada, a fim de preservar as vítimas, que hoje têm 14 e 19 anos.

De acordo com o juiz Bruno Nascimento Troccoli, da 1ª Vara Criminal de Santos, ao menos 100 abusos aconteceram contra a menina mais nova e ao menos quatro contra a mais velha.

As vítimas só contaram sobre o ocorrido seis anos depois. A irmã mais velha postou nas redes sociais revelando que já havia sido molestada aos 10 anos. Questionada pela mãe, ela contou o ocorrido. A mais nova também revelou ter sido abusada. 

A m√£e das jovens registrou um Boletim de Ocorr√™ncia (BO) na Delegacia de Defesa da Mulher de Santos e, em seguida, o Minist√©rio P√ļblico de S√£o Paulo (MPSP) ofereceu a den√ļncia.

De acordo com a apuração, o acusado é casado com uma irmã das vítimas e teria praticado a maioria dos crimes na própria casa. No período dos abusos, ele inseriu o dedo na parte íntima da menina mais nova várias vezes e chegou a tirar o órgão genital para fora, sentando-a no colo dele.

Ele também já obrigou a mais velha a beijá-lo no corredor da casa dele mais de uma vez. Ele também colocou a mão na parte íntima dela. 

O suspeito está preso preventivamente no Centro de Detenção Provisória Pinheiros 1, na capital paulista, desde 5 de outubro de 2022.