COTIDIANOSANTOS 

A homenagem ao Torto MPBar, que acontece nesta sexta-feira (23), às 19h30, mudou de local. Por causa das chuvas, a Sessão Solene, proposta pela vereadora Telma de Souza, foi transferida da Concha Acústica para o Teatro Municipal. Após o ato oficial, a noite será marcada por muita música e nostalgia, como nos bons tempos do Torto. A entrada é franca.

Símbolo da identidade santista e palco de resistência cultural por mais de três décadas, o Torto MPBar receberá uma placa em homenagem a sua trajetória de 33 anos, celebrada em 2017. Neste dia 23 de agosto, data de sua fundação, será realizada uma Sessão Solene para entrega da honraria, regada a boa música e muita festa.

Situado na Avenida Siqueira Campos, no Canal Quatro, próximo à Praia do Embaré, o Torto MPBar iniciou suas atividades em 23 de agosto de 1984. O bar recebeu o que há de melhor na música santista até setembro de 2017. Além do seu fundador, o músico Julinho Bittencourt, passaram pelo palco do Torto nomes como Roberto Biela, Wagner Parra, Zélius Machado, Déborah Tarquínio, Chorão (Charlie Brown Jr), Igor Black e Cristopher Clark.

Em seus 33 anos, o estabelecimento trouxe vida nova à cultura santista, com transgressão, rebeldia, criatividade e boa música. O Torto se consagrou como um “point” progressista de Santos, reunindo diversos segmentos que defendiam o perfil de vanguarda da Cidade. Entre as receitas de sucesso, estavam a aposta na música de qualidade, que atravessa gerações, e paralelamente, no enfrentamento às tradições conservadoras na orla da praia.

Para a vereadora Telma de Souza, esta homenagem é mais que merecida porque, naquele espaço, eram vivenciados valores raros nos dias atuais, como tolerância, respeito à diversidade e solidariedade. “No meu coração, a trilha sonora mais marcante do Torto é, sem dúvida, Balada do Louco, dos Mutantes, que Julinho entoou diante de mim e de Lula. Aquele palco me traz ótimas lembranças. Perco as contas de quantas vezes subi naquele palco, seja para cantar, discutir Cultura ou participar de algum projeto do DJ Parra. O Torto merece ser eternizado por tudo que representa”, relata a ex-prefeita.

Serviço: O Teatro Municipal fica na Avenida Pinheiro Machado, 48 – Vila Mathias.

saiba antes via instagram @revistamaissantos