PUBLICIDADE

Edição Semanal

Fechado para balanço

Por muitas décadas, ir ao Centro de Santos era um programa divertido. Conferir as vitrines com as novidades dos estabelecimentos de diversos ramos, em meio ao movimento frenético das pessoas nas ruas, compunha a paisagem de pujança econômica.
Ir à Cidade, termo pelo qual muitos ainda chamam a região, transformou-se em uma triste rota em que uma pergunta única é recorrente: “Onde foi parar a loja que estava aqui?”. E que, infelizmente, tem como resposta igualmente comum: “Fechou”. Ou também “Mudou”.


PUBLICIDADE