PUBLICIDADE

Internacional

Jornalistas Maria Ressa e Dmitry Muratov recebem Nobel da Paz

Da Agência Brasil

A jornalista filipina Maria Ressa e o jornalista russo Dmitry Muratov venceram o Nobel da Paz 2021. O an√ļncio foi feito hoje (8) pela Academia Sueca, em Estocolmo. O pr√™mio foi concedido “pelos esfor√ßos de salvaguarda da liberdade de express√£o, pr√©-condi√ß√£o para a democracia e paz duradouras”.

“A senhora Ressa e o senhor Muratov recebem o Pr√™mio Nobel da Paz pela corajosa batalha pela liberdade de express√£o nas Filipinas e na R√ļssia”, disse Berit Reiss-Andersen, do Comit√™ Nobel noruegu√™s. “Ao mesmo tempo, eles representam os jornalistas que lutam por esse ideal num mundo onde a democracia e a liberdade da imprensa enfrentam condi√ß√Ķes cada vez mais adversas‚ÄĚ, acrescentou.

Neste ano, disputaram o Nobel da Paz 329 candidatos, 234 pessoas e 95 organiza√ß√Ķes.O n√ļmero √© ligeiramente superior ao do ano passado: 317. Nem a rela√ß√£o dos candidatos nem de quem os prop√īs s√£o divulgados at√© que se passem 50 anos. Eles s√≥ s√£o conhecidos se forem divulgados diretamente por quem os prop√īs.

Os laureados com o Nobel da Paz v√£o receber o pr√™mio de 10 milh√Ķes de coroas suecas (quase 1 milh√£o de euros), al√©m de um diploma e uma medalha, em 10 de dezembro, em Oslo, na Noruega, dia da morte do criador do pr√™mio, Alfred Nobel.

O jornalista Dmitry Muratov lembrou jornalistas que perderam a vida na mesma luta de procura da verdade e do direito à expressão, dedicando-lhes também o prêmio.