PUBLICIDADE

2.0 - REGIÃO

Chuva na região deixa duas pessoas feridas e cidades em estado de atenção

Por Alexandre Piqui

O m√™s de fevereiro come√ßou com chuva intensa nas nove cidades da Baixada Santista. Desde s√°bado (1¬į) o volume d‚Äô√°gua √© acima do esperado.

Em Guaruj√°, duas pessoas ficaram feridas na manh√£ desta segunda-feira (3). Segundo a prefeitura, o muro de uma casa no Morro da Bela Vista, no bairro Vila Edna, caiu sobre outra resid√™ncia. As v√≠timas sofreram escoria√ß√Ķes e foram encaminhadas ao Hospital Santo Amaro.

De acordo informa√ß√Ķes preliminares, o muro foi mal constru√≠do e havia um aterro ao redor que com a chuva pressionou a parede e se rompeu. A Defesa Civil interditou os dois im√≥veis. O acumulado de chuva das √ļltimas 24 horas foi de 25,6 mil√≠metros. Nas √ļltimas 72 horas choveu 90 mil√≠metros que equivale a 34% do que √© esperado para fevereiro, cuja m√©dia prevista √© de 262,3 mil√≠metros. A cidade est√° em estado de aten√ß√£o.

Bertioga teve queda de √°rvores, mas sem feridos ou danos em patrim√īnios. At√© √†s 15 horas desta segunda-feira foram registrados 27 mil√≠metros de √°gua. O total acumulado nos tr√™s primeiros dias de fevereiro √© de 91mm de chuva. Conforme informa√ß√£o passada ao portal MAIS SANTOS, n√£o h√° pontos de alagamentos. A cidade est√° em estado de observa√ß√£o, pois em 24 horas choveu 43 mm. O munic√≠pio entra em estado de aten√ß√£o quando atinge mais de 80mm em 24 horas.

¬†Praia Grande n√£o registrou, no momento, ocorr√™ncias graves relacionadas √†s chuvas entre a noite de domingo (2) e √† tarde de segunda-feira. O √≠ndice pluviom√©trico registrado nas √ļltimas 24 horas foi de 123 mil√≠metros e nas √ļltimas 72 horas foi de 215 mil√≠metros. Em nota, foi informado que os √≠ndices s√£o medidos diariamente, pela manh√£, e portanto o volume de chuva desta segunda-feira s√≥ poder√° ser divulgado amanh√£.

A Defesa Civil da cidade encontra-se em estado de atenção, uma vez que os índices estão acima dos 80 milímetros, conforme determina o Plano de Prevenção de Defesa Civil (PPDC). No município não há desabrigados ou desalojados. O órgão informa ainda que equipes estão de prontidão 24 horas por dia acompanhando a incidência das chuvas e pede ainda que a população entre em contato, caso note algum problema neste sentido, através dos telefones 199 e 153.

S√£o Vicente tamb√©m n√£o atendeu ocorr√™ncias graves por conta da chuva e nem h√° pessoas desabrigadas. O acumulado pluviom√©trico das √ļltimas 72 horas √© de 253,2 mm, sendo que o total de chuvas registrado em janeiro √© de 278,2mm. O n√≠vel vigente √© de aten√ß√£o. A Defesa Civil informa, que a m√©dia dos √ļltimos tr√™s anos no m√™s de fevereiro √© de 400 mil√≠metros.

Cubatão monitora a situação da chuva, principalmente na região da Serra do Mar. Na Cota 400, o índice pluviométrico é de 116 milímetros. No Centro da cidade, até o momento, choveu 62 milímetros. O município decretou estado de atenção, mas sem ocorrências.

Peru√≠be tem dado aten√ß√£o maior, por parte da Defesa Civil, ao Guara√ļ, com acumulado de 187,28 mil√≠metros nas √ļltimas 72 horas. Conforme noticiado pelo portal MAIS SANTOS, no s√°bado (1¬į) houve queda de barreira na Serra que d√° acesso a Estrada do Una. A pista j√° est√° completamente liberada. A chuva em outras partes da cidade tem sido intensa nos √ļltimos tr√™s dias: no Parque do Trevo (150,28 mm), no Jardim Veneza (148,52 mm) e no Centro √© a situa√ß√£o mais tranquila (30 mil√≠metros).

Na cidade de Mongagu√°, a atualiza√ß√£o da chuva foi realizada na noite de segunda-feira (3). A Defesa Civil registrou seis ocorr√™ncias, as principais foram vias alagadas. O acumulado de chuva chegou a 211 mil√≠metros nas √ļltimas 72 horas. Na segunda-feira, foram 10mm. Os principais pontos de alagamento da cidade foram registrados na Avenida S√£o Paulo (Centro), Nossa Senhora de F√°tima (Agenor de Campos), Marcelino Rodrigues de Meira (Agenor de Campos), Estrada da Fazenda (√Ārea Rural) e Avenida Tiradentes (na altura do bairro Vera Cruz). A cidade permanece em ‘Estado de Aten√ß√£o’, j√° que nos pr√≥ximos dias a previs√£o √© que a chuva continue.

Em Itanha√©m duas √°reas foram as mais atingidas pelo volume d‚Äô√°gua nas √ļltimas 24 horas. O Centro (50.99 mil√≠metros) e o Jardim S√£o Fernando (62.85 mm). Segundo informa√ß√Ķes da Defesa Civil, n√£o h√° nenhum ponto de alagamento e nenhuma ocorr√™ncia registrada na cidade.

Santos mant√©m os morros em estado de aten√ß√£o. N√£o h√° registro de ocorr√™ncias preocupantes. De acordo com a Defesa Civil, choveu nas √ļltimas 72 horas 313 mil√≠metros.