PUBLICIDADE

2.0 - REGIÃO

Jorge de Oliveira deve assumir o Ministério da Justiça e Segurança Pública

O País aguarda, a qualquer momento, a confirmação pelo Palácio do Planalto do nome de Jorge de Oliveira como novo ministro da Justiça e Segurança Pública, na vaga do ex-juiz Sérgio Moro, que pediu exoneração na última sexta-feira (24). Oliveira é ligado à família do presidente Jair Bolsonaro há cerca de 15 anos.

O novo ministro vinha ocupando a Secretaria-Geral da Presidência. Neste sábado (25) Oliveira reuniu-se com o presidente e acabou aceitando o convite, depois de alguma relutância, segundo interlocutores. Jorge Antônio de Oliveira Francisco é advogado e major reserva da Polícia Militar do Distrito Federal.

Bolsonaro também já se definiu o novo diretor-geral da Polícia Federal, Alexandre Ramagem, que vinha ocupando a direção da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Ele vai substituir o delegado Maurício Valeixo, cuja demissão foi o estopim para a saída de Sérgio Moro do Ministério da Justiça.