PUBLICIDADE

Região / Cotidiano

Em SV, idoso comemora vacina contra a Covid a bordo do seu inseparável Fuscão 75

Da Redação

Entre as mais variadas histórias de vida dos vicentinos que comparecem aos pontos de vacinação da Cidade, uma em especial chamou a atenção nesse início de semana. Nesta segunda-feira (12), no drive thru, instalado no Fundo Social de Solidariedade (FSS-SV), o motor de um Fusca 1975 soava diferente, enquanto virava a esquina da Rua Benedito Calixto, no Centro, como se anunciasse o momento especial para o seu dono, Sérgio Tadeu Paschoal, de 67 anos.

O simpático automóvel, que esteve em tantos momentos importantes do aposentado, participava, então, de mais um acontecimento importante da vida dele, e que certamente não sairá da memória.

O dia tão aguardado da vacina chegou e, orgulhoso, Sérgio Tadeu estacionou seu xodó, o “fuscão vermelho” ao lado da equipe de saúde que aguardava o próximo paciente da fila. “Estou muito feliz de chegar até aqui com saúde e ser vacinado pilotando o meu Fusca. Eu acredito muito na ciência e espero que encontrem a cura do vírus logo”, afirmou emocionado Sérgio Tadeu.

A história dos dois é de longa data. Único dono, ele ganhou o carro de seu pai quando fez 18 anos. Juntos eles já passaram muitos momentos de alegria, como a saída de seus dois filhos da maternidade e inúmeras viagens, acompanhado de sua esposa. Como todo mundo sabe, o Fusca é um carro “pau pra toda obra” e encara qualquer desafio. No caso do Sérgio Tadeu, o carango encarou até uma mudança. “Quando nos mudamos de apartamento, o fuscão carregou muitas caixas com os nossos objetos pessoais”, conta o proprietário.

A paixão do aposentado por automóveis antigos trouxe a ele dezenas de amigos. Juntos eles fundaram o Fusca Night Club São Vicente, em 2016, e antes da pandemia o grupo costumava se reunir com seus carros uma vez por mês na praia do Itararé. A turma já realizou diversas campanhas de arrecadação de alimentos, carreatas e viagens.

Como paixão pouca é bobagem, não seria possível encerrar esta matéria sem mencionar que Sérgio Tadeu também foi receber a imunização com outro amor ao lado dele: sua filha Isabella Paschoal, professora e jornalista. Aí, a emoção foi em dose dupla. “Acompanhar meu pai foi emocionante. Ele sempre me levou vacinar, hoje eu que levei ele. O momento foi ainda mais inesquecível por irmos de Fusca, um carro cheio de histórias que irá passar de pai pra filha”, concluiu.

Foto: Divulgação/PMSV