PUBLICIDADE

Regi√£o / Cotidiano

Pessoas com deficiência poderão realizar trilhas em Bertioga usando cadeiras adaptadas

Após a chegada das cadeiras adaptadas, os profissionais do ecoturismo da cidade irão receber um treinamento sobre como auxiliar uma pessoa com deficiência na condução e uso do equipamento. 

 

 

Foto: Divulgação / Prefeitura de Bertioga

Da redação

A Prefeitura de Bertioga, em parceria com a Secretaria de Estado dos Direitos das Pessoas com Defici√™ncia, anunciou que assinar√° um conv√™nio para receber seis cadeiras adaptadas, para o p√ļblico PCD usar nas trilhas da cidade, sendo elas a trilha de Guaratuba e do Itaguar√©. Cada conjunto de cadeira √© composto por um suporte/trava, com o intuito de gerar mais inclus√£o, divers√£o e proporcionar mais sa√ļde para este p√ļblico.

O equipamento contém um assento para PCD e uma roda para deslizar durante a trilha. Porém, ele é sustentado por duas pessoas que direcionam o equipamento, a fim de tornar flexível e acessar áreas montanhosas.

Segundo o chefe de Ecoturismo, Aluízio Durço Bernardino, após a chegada das cadeiras adaptadas, os profissionais do ecoturismo da cidade irão receber um treinamento sobre como auxiliar uma pessoa com deficiência na condução  e uso, além da conservação das cadeiras, para que eles acompanhem os PCDs durante a trilha de Guaratuba e Itaguaré.

Cadeiras adaptadas 

As Cadeiras adaptadas Julietti tem esse nome em homenagem a Julliana, que por causa do c√Ęncer e de uma s√≠ndrome neurol√≥gica extremamente rara, Guilherme, marido dela e engenheiro, desenvolveu a cadeira para juntos poderem realizar as trilhas pelas montanhas. Com isso, montaram o Instituto Montanha Para Todos, a fim de democratizar o uso do equipamento adaptado para pessoas com algum tipo de defici√™ncia motora, al√©m de criar um banco de volunt√°rios para aux√≠lio da utiliza√ß√£o da cadeira.