PUBLICIDADE

Regi茫o / Sa煤de

Central de Transplantes de SP autoriza retomada de cirurgias eletivas de c贸rnea

Da Reda莽茫o

A Central de Transplantes do Estado de S茫o Paulo autorizou neste m锚s a retomada dos transplantes eletivos de c贸rneas nos servi莽os de sa煤de de SP. Com a melhoria do cen谩rio epidemiol贸gico do novo coronav铆rus, tanto a capta莽茫o quanto o procedimento cir煤rgico podem voltar a ocorrer seguindo todos os protocolos de seguran莽a e preven莽茫o da Covid-19.

Hoje, 3.643 pessoas est茫o 脿 espera de c贸rneas no estado e a doa莽茫o 茅 fundamental para melhorar a qualidade de vida desses pacientes. Para proteger profissionais de sa煤de e pacientes receptores, novas medidas foram adotadas. Os servi莽os de sa煤de devem realizar a triagem cl铆nica dos potenciais doadores, realizando testes para Covid-19 antes de qualquer defini莽茫o terap锚utica.

Conforme diretriz do SUS, pessoas com diagn贸stico positivo para coronav铆rus que possuem menos de 28 dias da regress茫o completa dos sintomas n茫o podem ser doadoras de 贸rg茫os e tecidos. Outra norma definida estabelece que pacientes podem optar por n茫o realizar o transplante enquanto durar a pandemia, sem preju铆zo em sua posi莽茫o no cadastro de transplantes.

A cada 10 transplantes em SP, 4 s茫o de c贸rneas. Trata-se do procedimento mais realizado pois, al茅m de ser um tecido muito resistente, pode ser armazenado por at茅 14 dias ap贸s a doa莽茫o, facilitando o trabalho das Comiss玫es Intra-Hospitalares de Transplantes (CIHT), que realizam a busca e identifica莽茫o de doadores potenciais de 贸rg茫os e tecidos em parceria com as Organiza莽玫es de Procura de 脫rg茫os (OPOs)

A Central Estadual de Transplantes monitora rigorosamente crit茅rios t茅cnicos e epidemiol贸gicos da pandemia, com apoio do Centro de Conting锚ncia do Coronav铆rus de S茫o Paulo e do Sistema Nacional de Transplantes (SNT), do governo federal

鈥溍 fundamental a conscientiza莽茫o da popula莽茫o quanto 脿 doa莽茫o de 贸rg茫os e tecidos. Assim, mais pessoas podem ser atendidas e salvas. Um 煤nico doador pode salvar, em m茅dia, at茅 sete vidas, doando f铆gado, c贸rneas, rins, p芒ncreas, cora莽茫o e pulm茫o鈥, destaca o secret谩rio de Estado da Sa煤de, Jean Gorinchteyn.

Como funciona a doa莽茫o de c贸rnea?

Podem doar c贸rnea pessoas que morreram de parada card铆aca inferior a seis horas ou morte encef谩lica, com idade igual ou acima de 2 anos e abaixo de 80 anos. Quem tem miopia, astigmatismo, hipermetropia, catarata, glaucoma, conjuntivite j谩 tratada e curada pode tamb茅m pode ser doador desse tecido.

Ap贸s o transplante desse tecido, 茅 fundamental ficar em repouso, manter o curativo at茅 o m茅dico retir谩-lo, n茫o esfregar o olho, usar os col铆rios de p贸s-operat贸rio de acordo com a prescri莽茫o m茅dica, utilizar 贸culos de sol quando exposto 脿 luz solar e dormir do lado contr谩rio ao olho operado.

A c贸rnea n茫o pode ser doada por pessoas com linfoma ativo, leucemia, hepatites B e/ou C, HIV, infec莽茫o generalizada, raiva ou morte de causa desconhecida.

A doa莽茫o de 贸rg茫os e tecidos deve ser consentida. Quem quiser ser doador n茫o precisa mais incluir a informa莽茫o no RG ou na CNH. Basta comunicar os parentes mais pr贸ximos sobre o desejo. A autoriza莽茫o para doa莽茫o deve ser dada por familiares com at茅 o 2潞 grau de parentesco. Por isso, 茅 fundamental haver di谩logo entre as fam铆lias sobre o desejo de ser ou n茫o doador de 贸rg茫os, pois isso facilita a tomada de decis茫o.

Balan莽os

A Central de Transplantes do Estado de S茫o Paulo realizou neste ano, at茅 30 de setembro, 3.588 transplantes, sendo 1.550 de c贸rneas. Em todo o ano passado, foram feitos 8.328 procedimentos no total, incluindo 5.400 de c贸rneas.

Balan莽o da Central indica que 35,9% dos procedimentos s茫o de rins, 15,5% de f铆gado e 2,5% de cora莽茫o. Os transplantes de p芒ncreas/rim, p芒ncreas e pulm茫o correspondem a menos de 1,4% dos procedimentos realizados, por corresponderem a uma demanda menor.

A demanda por c贸rneas 茅 a segunda maior, depois de rins (13.206), seguida por f铆gado (322), p芒ncreas/rins (157), cora莽茫o (143) e pulm茫o (96).