PUBLICIDADE

1.0 - SANTOS

Campanha da Fiesp “Não Vou Pagar o Pato”

Nesta quinta-feira (5/11) a campanha “Não Vou Pagar o Pato” estará na Praça Barão do Rio Branco, Centro, em São Vicente e na sexta-feira (6/11), na Praça da Independência, Centro, em Santos.

 Os horários dos dois eventos será o mesmo: a partir das 11h, com a presença de um pato inflável de três metros, patomóvel, coleta de assinaturas, adesivos e “patekos”, o lançamento será às 11h na Praça Barão do Rio Branco, no Centro da cidade, onde deve permanecer até 15h.

(Foto: divulgação)

(Foto: divulgação)

 Segundo Paulo Skaf, presidente da FIESP, o governo continua gastando mais do que arrecadando. “O déficit do ano que vem será de mais de R$ 80 bilhões, então você pega R$ 60 bilhões neste ano, mais 80 bilhões do ano que vem, e já são mais de R$ 140 bilhões. E o pior, o governo não aprendeu que tem de cortar suas despesas e quer impor à sociedade mais impostos”, afirma.

 O objetivo da campanha é conscientizar a sociedade sobre os altos impostos já pagos em produtos e serviços e evitar o aumento da carga tributária e a volta da CPMF, propostos pelo governo federal. Na internet (http://www.naovoupagaropato.com.br/), até o momento, “Não Vou Pagar o Pato” já recolheu mais de 880 mil assinaturas. A meta é atingir mais de um milhão.

 Seguindo um roteiro em municípios paulistas e capitais brasileiras, o “Pato” já esteve em Araras, Presidente Prudente, Votuporanga, Guarulhos, Brasília (DF) e Rio de Janeiro. O “Pato” também irá a Salvador (BA).

 A campanha é uma iniciativa da Frente Nacional contra o Aumento de Impostos, criada em 3 de setembro e liderada por Paulo Skaf, com amplo apoio de mais de 160 entidades de diversos setores.

LANÇAMENTO DA CAMPANHA “NÃO VOU PAGAR O PATO” NA BAIXADA SANTISTA

 SÃO VICENTE

DATA: quinta-feira (5/11)

HORÁRIO: a partir das 11h

LOCAL: Praça Barão do Rio Branco – Centro – São Vicente

 SANTOS

DATA: sexta-feira (6/11)

HORÁRIO: a partir das 11h

LOCAL: Praça da Independência – Centro – Santos