4.2 // TURISMO 

Para fazer viagens a dois, o outono é uma ótima época, pois o tempo já começa a esfriar e para quem curte comidas quentinhas e ficar debaixo dos cobertores, é uma ótima opção.

O blog Casal Mil da Luiza do Nascimento e Mateus Baranowski listaram cinco destinos românticos para aproveitar o período de baixas temperaturas no País para viajar nas férias, num feriado ou até em um bate e volta de final de semana.

Monte Verde – MG

Pequena, mas cheia de charmes e atrações. As baixas temperaturas durante praticamente todo o ano torna o lugar um destino perfeito para tirar aquele casacão do armário e se deliciar com um bom chocolate quente a qualquer hora do dia!

Grande parte dos visitantes são casais em busca de todo o romantismo que o clima serrano proporciona, mas Monte Verde também recebe muitas famílias e grupos de amigos.

Monte Verde fica na Serra da Mantiqueira, no sudoeste de Minas Gerais, quase na divisa com São Paulo e é vizinha de Campos do Jordão (SP).

Campos do Jordão – SP

Campos do Jordão, localizada no interior de São Paulo e a 170 km da capital, já é queridinha dos paulistas quando as temperaturas caem.

A cidade, composta pelos tradicionais chalés feitos de madeira, oferece diversas atividades ao casal que procura conforto e romance.

Além de casas de fondue e tours turísticos é possível conhecer o Morro do Elefante ou a Pedra do Baú. Caso gostem de balada, existem casas noturnas famosas no local.

Visconde de Mauá, RJ

É um dos destinos montanhosos mais estrategicamente localizados: a cidade fica entre São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais! A 290 km de distância da capital paulista, conta com uma altitude de 1800 metros, característica que resulta em belíssimas paisagens.

O local possui três vilas – Visconde de Mauá, Maringá e Maromba -, que contam com restaurantes, cachoeiras, trilhas e ótimas hospedagens. Se vocês buscam um lugar sossegado e longe do agito das grandes cidades para curtir o friozinho, Visconde de Mauá é o destino ideal!

Cunha – SP

Escondida no meio do caminho entre São Paulo e Rio de Janeiro, Cunha costuma passar despercebida por turistas menos atentos. Pouca gente sabe que a pequenina cidade tem atrações para casais, famílias e aventureiros. Na paisagem estão parques, rios, cachoeiras e trilhas históricas emolduradas pela mata Atlântica, além de ateliês, boa comida, campos de lavanda, pousadinhas aconchegantes para os namorados e hotéis-fazenda para quem está com os filhos a tiracolo.

Duas reservas protegem a natureza caprichosa que emoldura a região – o Parque Estadual da Serra do Mar e o Parque Nacional da Serra da Bocaina, ambos com trilhas variadas e muitas quedas d’água. Também faz parte do cenário a pedra da Macela, pico mais alto de Cunha, com 1.850 metros de altitude.

saiba antes via instagram @revistamaissantos