PUBLICIDADE

M√ļsica

Plataforma de streaming e v√≠deo por demanda #CulturaEmCasa disponibiliza conte√ļdo cultural online

Iniciativa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado visa¬†ampliar o acesso a conte√ļdos culturais e criativos de qualidade;¬†Plataforma¬†in√©dita disponibiliza espet√°culos, concertos, shows, pe√ßas, visitas virtuais a museus, aulas e palestras, ao vivo e por demanda.

 

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado lan√ßou¬† a plataforma de streaming e v√≠deo por demanda #CulturaEmCasa. Com acesso por meio dos sites¬†culturaemcasa.com.br¬†e¬†culturaemcasa.sp.gov.br, os conte√ļdos podem ser assistidos gratuitamente por televis√£o, computador, tablets e celulares. Em breve, ser√£o lan√ßados aplicativos para cada meio.

‚ÄúVamos disponibilizar conte√ļdo cultural, art√≠stico e criativo de grande qualidade para todos os p√ļblicos, totalmente gratuito e com gera√ß√£o de renda para os profissionais do setor‚ÄĚ, explica o Secret√°rio de Cultura e Economia Criativa de S√£o Paulo, S√©rgio S√° Leit√£o.

A plataforma re√ļne conte√ļdos in√©ditos das institui√ß√Ķes da Secretaria, entre¬† as quais a OSESP, a Jazz Sinf√īnica, a Pinacoteca, o Museu da Imagem e do Som, o Museu do Futebol, a S√£o Paulo Companhia de Dan√ßa, o Projeto Guri, o Theatro S√£o Pedro e o Teatro S√©rgio Cardoso. Ter√° ainda conte√ļdos de outras institui√ß√Ķes culturais e de produtores independentes.

‚Äú√Č uma expans√£o do trabalho da Secretaria. Temos mais de 50 institui√ß√Ķes culturais vinculadas, entre museus, centros culturais, corpos art√≠sticos, salas de espet√°culos, oficinas culturais, f√°bricas de cultura e outras, e todas produzem conte√ļdos de grande interesse, que decidimos disponibilizar pela internet. A ideia √© democratizar o acesso e ampliar o alcance de tudo o que fazemos‚ÄĚ, destaca o Secret√°rio.

Ele revela que o projeto j√° existia, mas foi acelerado no contexto da pandemia, remanejando os recursos de difus√£o presencial ‚Äď impedidas de acontecerem ‚Äď para a difus√£o virtual. ‚ÄúAs pessoas continuam precisando de arte, de cultura e de criatividade‚ÄĚ, diz o Secret√°rio.

Renda

Al√©m do espa√ßo para conte√ļdos pr√≥prios, a plataforma far√° o licenciamento de projetos de produtores culturais de todo o Estado. ‚ÄĚA ideia √© que ela seja tamb√©m um instrumento de gera√ß√£o de renda para artistas, t√©cnicos, produtores e profissionais da cultura de forma geral‚ÄĚ, explica o Secret√°rio. Ele assinala que o setor foi o primeiro a ser afetado pela pandemia do coronav√≠rus e que cerca de 650 mil profissionais no Estado est√£o hoje sem renda.

Os v√≠deos s√£o selecionados por uma equipe de curadores da Organiza√ß√£o Social gestora do projeto, a Amigos da Arte. ‚ÄúNosso objetivo √© que o conte√ļdo cultural disponibilizado na plataforma seja amplo e diverso. √Č difus√£o cultural para todos e acesso 100% gratuito‚ÄĚ, afirma Danielle Nigromonte, diretora-geral da Amigos da Arte. ‚ÄúVamos disponibilizar conte√ļdos que n√£o est√£o presentes em outras plataformas.‚ÄĚ

Lives

Parte deste projeto acontecer√° ao vivo. Para marcar o lan√ßamento da plataforma, est√£o programadas 120 lives ‚Äď 60 com artistas e 60 com aulas e oficinas. Desde ter√ßa-feira (21), acontece o¬†Festival #CulturaEmCasa, em que artistas far√£o apresenta√ß√Ķes ao vivo no site. Confira a programa√ß√£o abaixo.

Durante as performances, os espectadores serão convidados a participar de uma campanha de arrecadação do Fundo Social de São Paulo destinada aos artistas dos 70 circos de lona itinerantes do Estado, um dos elos mais frágeis do setor cultural.

A partir de 27 de abril, tem início o Intensivão #CulturaEmCasa. Todos os dias, ao meio-dia, profissionais compartilham seu conhecimento e expertise em aulas sobre os diversos ofícios nos campos da cultura e da criatividade.

Os v√≠deos ficar√£o dispon√≠veis posteriormente na plataforma, que no lan√ßamento j√° disp√Ķe de mais de 200 t√≠tulos. Al√©m do conte√ļdo audiovisual, a plataforma conta com 4 mil livros gratuitos, dispon√≠veis gra√ßas a uma parceria com a Amazon.

Futuro

A Secretaria adianta que a plataforma de streaming e VOD estar√°, em breve, dispon√≠vel em app para celular, tablet, TV e computador. ‚ÄúEstamos tamb√©m desenvolvendo parcerias com outras plataformas e ve√≠culos de m√≠dia para ampliar o alcance. Nossa ideia √© que o #CulturaEmCasa se torne um programa cont√≠nuo, permanente, para al√©m desse per√≠odo dif√≠cil de pandemia. Estamos incorporando esta plataforma como uma das institui√ß√Ķes culturais do Estado‚ÄĚ, diz o Secret√°rio.

Serviço:

Confira a programação da primeiras lives

24/04 às 21h30 Anelis Assumpção + Curumim

25/04 às 21h30 Marcelo Jeneci

26/04 às 21h30 Eva Wilma

27/04 às 21h30 Céu

 

Fonte: Cultura.sp.gov