PUBLICIDADE

Região / Cotidiano

Governo de SP autoriza licitação da terceira fase do VLT, em São Vicente

Da Redação

O Governo de São Paulo autorizou na noite da última terça-feira (24) a licitação da terceira fase do VLT (Veículo Leve sobre Trilhos) da Baixada Santista. O novo trecho ligará as áreas insular e continental de São Vicente.

A decisão foi tomada durante reunião entre os secretários estaduais de Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, e de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. O novo trecho terá 7,5 km de extensão, a partir do Terminal Barreiros, com quatro estações: Ponte Nova, Jardim Quarentenário, Rio Branco e Terminal Samaritá.

 - REVISTA MAIS SANTOS

Quando for completamente concluído, o VLT terá um total 27 km de extensão, considerando os 11,5 km já em operação entre São Vicente e o Terminal Porto, em Santos, e também a ligação entre Barreiros a Samaritá, que está em projeto. O sistema deverá operar com 33 VLTs transportando diariamente 95 mil passageiros.

Segunda etapa
O governo de São Paulo iniciou no final de agosto a segunda etapa do VLT, entre a Avenida Conselheiro Nébias e o Terminal Valongo, em Santos. O novo trecho terá investimento de R﹩ 217,7 milhões e capacidade para transportar até 35 mil passageiros por dia.

Essa etapa, cujas obras tiveram início nesta semana, terá 8 km de extensão e prevê a construção de 14 estações com acessibilidade, duas pontes sobre o Canal 1, via permanente, quatro subestações de energia, sistema de rede aérea, sinalização viária e urbanização.

Infográfico: Divulgação/EMTU

Foto: Divulga̤̣o/Fotos P̼blicas/Alexandre Carvalho РA2img