PUBLICIDADE

Região / Polícia

Mulher procurada por latrocínio contra idosos é presa quando traficava drogas em Praia Grande

Da Redação

Policiais da Delegacia Sede de Mongaguá capturaram na noite desta quarta-feira (14) uma mulher de 23 anos, suspeita de ter praticado crime de latrocínio tentado que vitimou um casal de idosos (75 e 73 anos), no exato momento em que ela comercializava drogas, no bairro Mirim, em Praia Grande.

O crime de latroc√≠nio tentado ocorreu em 27 de junho, no bairro Vila Vera Cruz, em Mongagu√°, quando dois indiv√≠duos, portando arma de fogo, anunciaram o roubo. Em seguida, um deles atingiu √†s v√≠timas com coronhadas e disparos da arma, que atingiu o joelho da mulher e o abd√īmen do homem.

A equipe vinha realizando intensa ação de campo, visando prender os suspeitos imediatamente identificados pelos investigadores, quando conseguiu apurar que os indivíduos poderiam ser localizados em Praia Grande.

Na noite desta quarta-feira, na posse dos mandados de prisão temporária expedidos pelo Poder Judiciário, embasado pelo pedido do Delegado de Polícia responsável pelo caso, os policiais civis diligenciaram até o local apurado.

Após observarem por um período, verificaram que uma mulher, com a mesma aparência da foragida, desceu de um veículo e dirigiu-se a uma viela, entregando uma sacola ao homem que seria o segundo suspeito identificado. Os investigadores, então decidiram pela abordagem, momento em que a dupla empreendeu fuga, jogando a sacola no chão, todavia a equipe alcançou a mulher.

Depois de identific√°-la como sendo de fato a foragida da Justi√ßa, a equipe procedeu buscas , pr√≥ximo √† rua, foi encontrada a sacola que estava na posse da mulher, contendo 53 por√ß√Ķes de coca√≠na (52 gramas), 111 pedras de crack (70 gramas) e 111 por√ß√Ķes de maconha (148 gramas).

Ela acabou assumindo ser a responsável pelo abastecimento de um ponto de drogas. A suspeita foi presa em flagrante por Tráfico de Entorpecentes e também por força de mandado de prisão temporária expedido pela 1ª Vara Criminal de Mongaguá relativo ao grave crime de Latrocínio.

As diligências prosseguem no intuito de localizar e prender os demais coautores do crime.

Foto: Divulgação Polícia Civil