PUBLICIDADE

Santos / Polícia

Policial é preso por balear caminhoneiro em show do rapper Matuê no Centro de Santos

Da Redação

Um fotógrafo policial, de 36 anos, foi preso em flagrante após tentativa de homicídio ocorrida às 3 da manhã deste domingo (8), durante apresentação do rapper cearense Matuê, em uma casa de shows no Centro de Santos.

A vítima foi um caminhoneiro, de 39, depois de se envolver em uma discussão com o policial durante o show. O caminhoneiro está internado na Santa Casa de Santos.

Foram solicitados exames periciais ao Instituto de Criminalística e ao Instituto Médico Legal. O fotógrafo foi levado à 6ª Corregedoria Auxiliar de Santos, onde o caso foi registrado e é investigado. Detalhes serão preservados para garantir a autonomia do trabalho policial.

No Twitter, pessoas que estavam no show registraram o barulho dos tiros no local, o desespero com a situação e o alívio por não terem sofrido ferimentos.

Também nas redes sociais, em sua conta no Instagram, o cantor Matuê avisou que estava tudo bem com ele e que só soube do que estava acontecendo porque o puxaram do palco.

‚ÄúPassando para avisar que est√° tudo bem, a gente saiu da festa de boa. Uma confus√£o, a gente teve que sair porque a situa√ß√£o estava triste. Na hora que aconteceu eu nem consegui ouvir, o som estava muito alto. Algu√©m chegou, me puxou do palco e falou ‚Äėest√° rolando tiroteio, vamos nessa‚Äô e a gente j√° saiu. O show tava incr√≠vel, a vibe tava muito massa, tava todo mundo bem e uma pessoa foi l√° e estragou o rol√™ inteiro‚ÄĚ, disse.

Foto: Reprodução Twitter