PUBLICIDADE

Santos / Educação

Mais de 27 mil alunos da rede municipal de Santos retornam às aulas nesta segunda

Da Redação

O ano letivo de 2022 na rede municipal de ensino de Santos come√ßa nesta segunda-feira (7). Mais de 27 mil e 600 alunos, de 86 unidades, voltam √†s aulas, que agora s√£o 100% presenciais, ap√≥s quase dois anos em que precisaram intercalar com o ensino remoto, por conta da pandemia de covid-19. A Secretaria de Educa√ß√£o (Seduc) realizou um trabalho de prepara√ß√£o nos √ļltimos meses para garantir a seguran√ßa dos estudantes.

“Ainda por conta da pandemia, todos os protocolos sanit√°rios e de higiene que foram incorporados √† rotina de educadores e alunos ser√£o mantidos. Mas o que d√° mais seguran√ßa agora √© que a vacina√ß√£o na Cidade est√° acelerada e as crian√ßas, a partir dos 5 anos de idade, tamb√©m j√° est√£o tomando a primeira dose da vacina contra a covid-19”, explica a secret√°ria de Educa√ß√£o, Cristina Barletta.

A imuniza√ß√£o infantil segue acontecendo todos os dias na Cidade. Neste s√°bado (5), ser√° realizado o “Dia C da Vacina√ß√£o”, com 16 locais (entre policl√≠nicas e postos externos), funcionando das 8h √†s 16h.¬† Os alunos que, por motivos m√©dicos, n√£o puderem comparecer presencialmente √†s aulas, devem apresentar documenta√ß√£o que comprove o impedimento e os casos ser√£o analisados individualmente.

Nas escolas, continuar√° sendo feita a aferi√ß√£o de temperatura, sendo obrigat√≥ria a utiliza√ß√£o de m√°scaras pelos alunos, professores e funcion√°rios, al√©m do uso de √°lcool em gel 70% e higieniza√ß√£o dos espa√ßos. A Seduc segue orienta√ß√Ķes da Secretaria de Sa√ļde e do Plano S√£o Paulo. As unidades s√£o monitoradas pela Supervis√£o de Ensino e Programa Sa√ļde na Escola.

RECOMPOSIÇÃO CURRICULAR

Neste ano, o curr√≠culo ser√° organizado com foco na alfabetiza√ß√£o, leitura, escrita e matem√°tica. Alunos de 1¬ļ ao 9¬ļ ano ter√£o acesso a um segundo professor em sala de aula para auxili√°-los durante o aprendizado. Estes professores (que atuar√£o em seu contraturno) poder√£o atender a mais de uma classe, dependendo do resultado do processo de sondagem feito com os alunos. Este projeto ser√° chamado de Projeto Estrat√©gico de A√ß√£o I (PEA I), para alunos do 1¬ļ ao 5¬ļ ano, e Projeto Estrat√©gico de A√ß√£o II (PEA II), para os estudantes do 6¬ļ ao 9¬ļ.

Ser√£o realizados ainda, com alunos de 1¬ļ ao 5¬ļ ano, os ‘Quintais de aprendizagens por profici√™ncia’, que ser√£o como “acampamentos pedag√≥gicos”, organizados ao longo do trimestre, para que os estudantes possam fazer uma imers√£o no processo de alfabetiza√ß√£o.

O planejamento tamb√©m contemplar√° a recomposi√ß√£o curricular, levando em considera√ß√£o os aprendizados adquiridos pelos alunos e que n√£o constavam no curr√≠culo e os conte√ļdos que n√£o puderam ser trabalhados durante os ensinos remoto e h√≠brido. Um curr√≠culo ser√° organizado com esta avalia√ß√£o e ser√£o feitas forma√ß√Ķes continuadas com todos os professores e equipes gestoras, a fim de apoiar este processo e fortalecer a gest√£o.

ACOLHIMENTO DOS ALUNOS

Al√©m do planejamento pedag√≥gico, tamb√©m ser√£o realizadas a√ß√Ķes para o acolhimento dos alunos, a retomada das rotinas escolares, os cuidados com os protocolos sanit√°rios necess√°rios e a busca ativa de alunos infrequentes.

A educa√ß√£o na Cidade tem um avan√ßo neste ano com a publica√ß√£o da lei municipal 3.944, que estabeleceu como pol√≠tica p√ļblica a Busca Ativa Domiciliar. Este atendimento foi desenvolvido pela primeira vez em Santos no ano de 2015, ainda como projeto-piloto, tendo sequ√™ncia a partir de junho de 2018 (Projeto Colibri), desenvolvido por uma organiza√ß√£o social, em parceria com o Conselho Municipal da Crian√ßa e do Adolescente (CMDCA).

Foto: Carlos Nogueira/PMS/Arquivo