PUBLICIDADE

Santos / Porto

For√ßa-tarefa fiscaliza condi√ß√Ķes de higiene no Porto de Santos esta semana

Da Redação

Verificar as condi√ß√Ķes de higiene e limpeza das opera√ß√Ķes portu√°rias e observar o cumprimento das melhores pr√°ticas no controle da prolifera√ß√£o de pragas urbanas (ratos, baratas, pombos). Esses s√£o os objetivos da Opera√ß√£o Porto Limpo, liderada pela Ag√™ncia Nacional de Transportes Aquavi√°rios (Antaq), que at√© sexta-feira (29) fiscalizar√° 30 terminais de gran√©is s√≥lidos no Porto de Santos e terminais de uso Privado (TUP).

A a√ß√£o em conjunto com a Prefeitura e outros √≥rg√£os federais foi anunciada nesta segunda-feira (25), em reuni√£o no escrit√≥rio regional da Antaq (Centro) de Santos. Durante a semana, agentes ir√£o fiscalizar os arrendamentos que movimentam gran√©is s√≥lidos no Porto, os operadores portu√°rios e de cais p√ļblico, TUPs na √°rea de jurisdi√ß√£o da Antaq e vias p√ļblicas localizadas no Porto Organizado.

Ao longo da semana, tr√™s equipes avaliar√£o as condi√ß√Ķes sanit√°rias da √°rea portu√°ria, contando ainda com o apoio de um drone para aux√≠lio na fiscaliza√ß√£o. A for√ßa-tarefa ser√° dividida em frentes na Ponta da Praia, Ilha Barnab√© e margem esquerda do Porto. O foco √© evitar vazamento de produtos nos terminais, res√≠duos em estado de degrada√ß√£o que causam mau cheiro, √°reas sem limpeza adequada, entre outros problemas provenientes de opera√ß√Ķes portu√°rias.

Ainda como parte da atividade, a Antaq tamb√©m utilizar√° como refer√™ncia checklists de higiene e limpeza do SFIS Mobile. O aplicativo permite a importa√ß√£o das informa√ß√Ķes das empresas autorizadas, a integra√ß√£o com os bancos de dados da Ag√™ncia, bem como gerar Notifica√ß√£o de Corre√ß√£o de Irregularidade (Noci) ou lavrar auto de infra√ß√£o, dando ci√™ncia ao terminal, quando for o caso. Ao final da vistoria, o fiscalizado receber√° o relat√≥rio com o resultado da aplica√ß√£o do checklist.

Al√©m de representantes das secretarias municipais de Assuntos Portu√°rios (Seport), Meio Ambiente (Semam) e Sa√ļde (SMS), as atividades ter√£o participa√ß√£o de profissionais do Ibama, Anvisa, Marinha do Brasil, Receita Federal e Santos Port Authority. √Č a primeira vez que a Prefeitura √© convidada a participar da parceria.

Representando a Administra√ß√£o Municipal no encontro, o coordenador do Seport, Ant√īnio Fidalgo, salientou a import√Ęncia da Opera√ß√£o Porto Limpo, bem como a integra√ß√£o entre Antaq e o Munic√≠pio.

“Essa a√ß√£o com um sistema moderno e inovador vai ao encontro da grandeza do Porto de Santos. Estamos cumprindo nosso papel e intermediando essa rela√ß√£o Porto-Cidade. N√£o basta simplesmente operar e focar no ranking de cargas, mas √© preciso promover opera√ß√Ķes limpas e com qualidade no servi√ßo”, salientou Fidalgo.

O diretor-geral da Antaq, Eduardo Nery, destacou que a Operação vai elevar a qualidade de um trabalho que já vem sendo realizado em solo santista.

“Realizamos fiscaliza√ß√Ķes de rotina para nos certificarmos das condi√ß√Ķes sanit√°rias e de higiene no Porto, mas a Opera√ß√£o Porto Limpo, que re√ļne mais de dez √≥rg√£os, traz uma nova expectativa sobre esse controle. Ela permitir√° que os terminais apresentem servi√ßos de melhor qualidade, oferecendo um servi√ßo √† altura da grandeza do Porto de Santos”, concluiu Nery, que tamb√©m esteve acompanhado do diretor da Antaq, Jos√© Renato Fialho, e da superintendente de fiscaliza√ß√£o, Gabriela da Costa.

Foto: Francisco Arrais/Divulgação Prefeitura Municipal de Santos