POLÍCIAREGIÃO 

Da redação

Policiais Militares da Companhia Ambiental Marítima, durante patrulhamento pelo município de Bertioga, surpreenderam uma embarcação pesqueira, no interior da Área de Proteção Ambiental Marinha Litoral Centro, em uma prática de arrasto de camarão.

A embarcação de santa Catarina que já estava sendo monitorada pelo IBAMA, realizava a pesca do crustáceo em local proibido, a menos de uma milha e meia da costa, como prevê a legislação para embarcações deste porte.

O flagrante ocorreu na direção da praia de Itaguaré e resultou na apreensão do barco, quatro portas (petrecho utilizado na pesca), duas redes de arrasto e todo o pescado a bordo. Ao todo havia 3.500 quilos de camarão sete-barbas, os quais foram imediatamente doados a diversas instituições beneficentes da Baixada Santista.

Quatro Autos de Infração Ambiental por “pescar em local proibido”, foram feitos aos quatro tripulantes a bordo. Todos são de Itajaí, Santa Catarina e a multa foi no valor de R$ 141.400,00 para cada um, totalizando R$ 565.600,00.  Eles responderão em liberdade pelo crime ambiental.

saiba antes via instagram @revistamaissantos