PUBLICIDADE

Brasil / Economia

Petrobras anuncia reajuste no preço do Diesel

Da Redação

Aten√ß√£o motorista! Se j√° estava dif√≠cil garantir o abastecimento da gasolina e outros combust√≠veis, se prepara para mais uma alta, agora no diesel. O an√ļncio foi feito nesta segunda-feira (9) pela Petrobras e o pre√ßo deste combust√≠vel ser√° reajustado para as distribuidoras. A estatal informa que o pre√ßo m√©dio do litro vai passar de R$ 4,51 para R$ 4,91 a partir de ter√ßa (10). Ou seja, um aumento de 8,87%.

J√° os pre√ßos da gasolina e do g√°s de cozinha n√£o ser√£o alterados. Segundo a Petrobras, o diesel n√£o sofria reajuste h√° 60 dias ‚Äď desde 11 de mar√ßo. Naquele momento, diz a Petrobras, a alta refletia “apenas parte da eleva√ß√£o observada nos pre√ßos de mercado”.

Com o novo reajuste, o diesel j√° acumula no ano alta de 47% nas refinarias da Petrobras. A estatal comunicou em nota sobre o assunto.

“Com esse movimento, a Petrobras segue outros fornecedores de combust√≠veis no Brasil que j√° promoveram ajustes nos seus pre√ßos de venda acompanhando os pre√ßos de mercado”, informa a nota.

Ainda de acordo com a Petrobras, considerando a mistura obrigatória de 90% de diesel A e 10% de biodiesel para a composição do diesel comercializado nos postos, a parcela da petroleira no preço pago pelo consumidor passará de R$ 4,06, em média, para R$ 4,42 a cada litro vendido na bomba.

Motivos

O reajuste foi realizado enquanto as cota√ß√Ķes de diesel e gasolina apresentavam defasagem em rela√ß√£o √† paridade internacional, com a diferen√ßa em -27% para o primeiro e -22% para o segundo, conforme avalia√ß√£o do Ita√ļ BBA, na √ļltima sexta-feira.

Na semana passada, os pre√ßos internacionais do petr√≥leo acumularam alta de quase 4%, com o barril do Brent se mantendo acima de US$ 110, depois que a UE delineou um embargo ao petr√≥leo russo como parte de seu pacote de san√ß√Ķes mais duro at√© agora sobre o conflito na Ucr√Ęnia.

Foto: Reprodução