PUBLICIDADE

Regi√£o / Cotidiano

Carro fica preso em cratera no T√ļnel da Vila Zilda, em Guaruj√°

Da Redação

O deslocamento de uma das chapas aplicadas no solo do T√ļnel da Vila Zilda, em Guaruj√°, causou danos a um ve√≠culo que trafegava no local na tarde desta quinta-feira (4). Apesar do susto, a motorista do ve√≠culo n√£o ficou ferida.

Segundo a Sabesp, que se pronunciou por meio de nota, ‚Äúque lamenta os transtornos e j√° est√° prestando toda a assist√™ncia ao condutor do carro‚ÄĚ.

Al√©m disso, a empresa afirma que ‚Äúo incidente n√£o atrapalha o andamento dos trabalhos para recupera√ß√£o da tubula√ß√£o de esgoto, j√° que as obras s√£o executadas √† noite, das 20h √†s 5h diariamente, e seguir√£o normalmente. Para realizar o refor√ßo da solda das chapas e garantir que n√£o haja mais este tipo de ocorr√™ncia, foi necess√°rio interditar meia pista do T√ļnel at√© que sejam finalizados esses servi√ßos ainda hoje. A Sabesp refor√ßa que tomar√° medidas administrativas para ressarcimento de eventuais preju√≠zos junto √† empresa contratada e cobran√ßa para garantir qualidade na presta√ß√£o dos servi√ßos‚ÄĚ.

Prefeitura de Guaruj√°

A Administração também se posicionou, por meio de nota. Confira a íntegra:

“A Prefeitura de Guaruj√° lamenta o ocorrido no T√ļnel Juscelino Kubitschek (T√ļnel da Vila Zilda), onde est√£o sendo realizadas obras de recupera√ß√£o de uma das duas linhas de recalque dos efluentes do emiss√°rio terrestre (tubula√ß√£o subterr√Ęnea), que passa dentro do t√ļnel, e s√£o de responsabilidade da Sabesp. Essas obras s√£o realizadas diariamente, no per√≠odo noturno, entre 20 horas e 5 horas, e nos demais per√≠odos do dia o local √© protegido com chapas de a√ßo.

Assim que tomou conhecimento da ocorr√™ncia, a Prefeitura acionou a Sabesp e enviou t√©cnicos ao local para orientar o tr√Ęnsito, que seguiu no sistema siga e pare, em apenas uma das faixas de rolamento do t√ļnel. Al√©m de cobrar solu√ß√Ķes imediatas, a Prefeitura vai multar a empresa por gera√ß√£o de transtorno p√ļblico com a consequente degrada√ß√£o do ambiente urbano e desconforto p√ļblico”.

Foto: Plant√£o Guaruj√°