PUBLICIDADE

Região / Cotidiano

Praia Grande avança na regularização fundiária de área no Bairro Santa Marina

Da Redação

A Prefeitura de Praia Grande avança nas ações ligadas a regularização fundiária de área no Bairro Santa Marina. Nesta semana, técnicos da Secretaria de Habitação (Sehab) da Cidade e do governo do Estado de São Paulo vistoriaram o local com o objetivo de dar andamento aos trabalhos.

Durante a vistoria, os técnicos verificaram a infraestrutura existente na área e as características do núcleo. Também ocorreram entrevistas com moradores do local. “Está área possui uma infraestrutura muito boa, com ruas asfaltadas e sistema de esgoto implantado, fator que é essencial para que possamos realizar a regularização fundiária”, elogiou o arquiteto do consórcio Vida Melhor, Jefferson Oliveira.

A ação no Bairro Santa Marina faz parte do programa Cidade Legal, do Estado. Praia Grande aderiu a iniciativa em 2021. Até o momento, o Município já beneficiou cerca de 6 mil famílias praia-grandenses dentro do programa Dono do Lote, da Prefeitura. A meta traçada para o final de 2024 é que mais 6 mil famílias sejam contempladas.

Os trabalhos ligados a regularização fundiária desenvolvidos pela Prefeitura de Praia Grande levam em conta as diretrizes existentes na lei federal (13.465/17) e municipal (Lei Complementar 671/13). Para que o processa seja finalizado, diversas etapas precisam ser superadas como topografia, desenhos, cadastramento das famílias, matrícula dos lotes, execução das escrituras e registro. Na prática, o documento já devidamente registrado no Cartório de Registro de Imóveis é entregue sem qualquer custo para as famílias.

“Todas as realizações ligadas a regularização fundiária são muito importantes para esses moradores de Praia Grande, já que com a emissão dos títulos de propriedade eles passam a ter a garantia que são os reais proprietários dos imóveis”, comentou o titular da Sehab, Anderson Mendes.

O chefe do Departamento de Regularização Fundiária da Sehab, André Magalhães Perez, explicou que as ações dentro do Cidade Legal que ocorrem em parceria com o Estado agilizam a regularização dos imóveis nas áreas já cadastradas da Cidade. “Assim, é possível atender mais áreas que precisam ser regularizadas”.

Foto: Divulgação Prefeitura Municipal de Praia Grande