PUBLICIDADE

Região / Esporte

Projeto Boxe Jovem: a luta deles de cada dia

Por Ted Sartori
Da Revista Mais Santos

Esquivar-se das adversidades do cotidiano e ainda golpeá-las, seja com um direto ou com um cruzado, é uma tarefa sempre difícil. E nada melhor do que usar o esporte para isso, com o projeto social Boxe Jovem.

Totalmente gratuita, a iniciativa começa a funcionar nesta terça-feira (1), na Gleba II, no Parque das Bandeiras, em São Vicente, atendendo 80 crianças e adolescentes dos 10 aos 17 anos.

O Boxe Jovem foi contemplado por edital de chamamento público da Secretaria de Esportes do Estado de São Paulo e do Governo estadual, com apoio da Sociedade de Melhoramentos dos Moradores do Distrito de Samaritá.

“A intenção é propiciar o aprendizado da modalidade nos seus diversos níveis, considerando os aspectos socioesportivos de cada interessado, beneficiando crianças e adolescentes com poucas oportunidades, dada à limitação de programas comunitários, e ainda assegurar o direito ao esporte que todo cidadão tem”, explica Cidinha Oliveira, vice-presidente e diretora de arbitragem da Febesp (Federação de Boxe do Estado de São Paulo).

O espaço é mais um de fomento ao boxe em São Vicente. Em junho do ano passado, o Ginásio Poliesportivo Dondinho, no Catiapoã, passou a abrigar o Centro de Treinamento Carlinhos Furacão.

“Como o CT Carlinhos Furacão fica na área insular da cidade, era necessário ter também algo assim na Área Continental, em especial naquela área do Parque das Bandeiras, Gleba II”, justifica Cidinha.

O local no Catiapoã foi batizado com o nome do lutador baiano, nascido em Feira de Santana, por muito tempo radicado em São Vicente e que atualmente mora em Itanhaém. No espaço destinado ao Boxe Jovem, o campeão mundial do peso pena do Conselho Universal de Boxe de 2006 dará aulas e palestras, em razão de ser uma referência da modalidade.

“Vou auxiliar no projeto. Seria legal se todos fizessem sua parte. É maravilhoso. Não tem preço algo assim. É essencial a gente ajudar de alguma foram”, afirma Furacão. Os equipamentos estão disponíveis. Basta ao aluno levar apenas a vestimenta.

Quem estiver interessado em se inscrever no Boxe Jovem e se encaixar na faixa etária anunciada, basta ir ao local para se inscrever e saber de mais informações. O projeto social fica na Avenida Dr. Celso Santos, 85. O funcionamento acontece de segunda a sexta das 9 às 11 horas e das 14 às 16 horas.

Foto: Divulgação