PUBLICIDADE

Região / Saúde

Apesar do ‘Dia D’, procura por vacinas continua baixa em São Vicente

Da Redação

A Prefeitura de São Vicente continua demonstrando preocupação com a baixa procura da vacina contra a Covid-19 na cidade. No sábado (27), houve a realização do chamado ‘Dia D’, com 13 postos disponíveis para imunizar idosos a partir de 69 anos e profissionais da saúde. Foram vacinadas 738 pessoas.

A expectativa é que mais gente fosse vacinada. Segundo a Administração Municipal, receberam a dose 483 idosos a partir de 69 anos. Desses, 55 compareceram à Subrefeitura, na Área Continental. Foram aplicadas outras 255 doses remanescentes a idosos e profissionais da saúde.

Na manhã de sábado, o prefeito de São Vicente, Kayo Amado, foi a um dos três postos drive thru da cidade, onde fez uma transmissão ao vivo por meio de suas redes sociais para convocar a população a se vacinar. Ele próprio mostrou que a fila de carros era pequena.

Nesta segunda-feira (29), São Vicente seguirá a imunização dos idosos acima de 69 anos, e volta a vacinar profissionais da saúde ativos, em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Estratégias de Saúde da Família (ESF), além do Fundo Social de Solidariedade (FSS) e da Subprefeitura, que funcionam também como drive thru. Estes postos ficam abertos de segunda a sexta-feira, das 9 horas às 15h30.

O FSS fica na Rua Benedito Calixto, 205, no Centro (Área Insular). E a Subprefeitura, na Avenida Ulisses Guimarães, 211, no Jardim Rio Branco (Área Continental).

Documentos
O idoso que for receber a primeira dose do imunizante pode comparecer em qualquer posto de vacinação, munido com o RG, CPF e comprovante de residência. A Sesau pede que o público-alvo desta etapa faça um pré-cadastro no site Vacina Já, por meio do link https://vacinaja.sp.gov.br/. O registro não é obrigatório, mas essencial para agilizar o atendimento.

O idoso que receberá a segunda dose precisa apresentar o RG e carteira de vacinação com o registro da primeira.

Números
Segundo a Prefeitura, até o momento, foram realizadas 27.529 testagens, com 12.600 casos positivos, 14.454 negativos e 475 no aguardo de resultado. Entre os contaminados, somam-se 10.403 altas, 657 óbitos, 1.527 recomendações para isolamento domiciliar e 13 internações (quatro em UTI). Dos que esperam a conclusão dos exames, estão 387 altas, oito óbitos, 60 recomendações para isolamento domiciliar e 20 internações (cinco em UTI).

A ala Covid da cidade, que funciona dentro do Hospital São José, está com taxa de ocupação de 100%. São 23 pacientes internados, sendo dez em leitos de UTI. Outras oito pessoas estão na Ala Vermelha do Hospital Municipal.

Foto da capa: Divulgação/Prefeitura de São Vicente