PUBLICIDADE

Santos / Economia

Rede hoteleira da Baixada deve atingir 90% de ocupação no feriado de 12 de outubro

Da Redação

A folga prolongada de 12 de outubro promete movimentar a rede hoteleira da Baixada Santista que deve atingir o patamar de 90% de ocupação durante o período. Os dados são de pesquisa realizada pelo SinHoRes(Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares da Baixada Santista e Vale do Ribeira), entidade patronal que representa a categoria.

Diante do avanço da vacinação e flexibilizações das medidas restritivas em relação a Covid-19, as atividades relacionadas ao turismo também iniciaram seu processo de retomada. Segundo levantamento do IPC Maps, até o fim de 2021, os gastos de brasileiros com viagens devem superar em 12,7% o total de 2020, chegando a R$ 60,6 bilhões.

“De acordo com a Associação Brasileira das Agências de Viagem, a Abav, 84% das viagens mais procuradas pelos turistas têm como destino praia, o que torna nossa região ainda mais atrativa. Outro fator que deve influenciar na escolha do roteiro é a chegada da primavera com dias mais longos, altas temperaturas e, se o tempo colaborar, muitos empreendimentos devem chegar a ocupação máxima de 100%”, considera Heitor Gonzalez, presidente do SIinHoRes da Baixada Santista e Vale do Ribeira.

Mesmo com o fim das restrições de horário e capacidade de atendimento em todo estado de São Paulo, a rede hoteleira adota uma série de protocolos sanitários para manter a segurança de hóspedes e funcionários durante esse período de pandemia: uso obrigatório de máscara e disponibilização de álcool gel 70%; aferição de temperatura diária em hóspedes e colaboradores; desinfecção das malas ao entrar no hotel; proteção de acrílico nos balcões de atendimento da recepção, entrega de chaves higienizadas aos hóspedes.

Foto: Divulgação