PUBLICIDADE

Santos / Polícia

Santos: ação prende envolvido por esquema para sonegar impostos no ramo de café

Da Redação

Uma pris√£o e dois mandados de busca e apreens√£o foram cumpridos nesta ter√ßa-feira (16), em Santos, durante uma opera√ß√£o para para desmantelar gigantesco esquema de sonega√ß√£o do setor de caf√© e crimes relacionados. A Opera√ß√£o “Expresso” foi deflagrada pela Receita Federal, Pol√≠cia Civil do Paran√°, e Receitas Estaduais do Paran√° e Minas Gerais.

 - REVISTA MAIS SANTOS

Mais de 111 servidores da Receita Federal, entre auditores, analistas e administrativos, 710 policiais civis, servidores das receitas estaduais e peritos estão nas ruas para cumprir 220 mandados judiciais, sendo 35 de prisão temporária, 124 de busca e apreensão e 61 de sequestro de bens, nos estados do Paraná, Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo. A ação mira envolvidos em esquema bilionário de sonegação fiscal no ramo de comercialização de café em grão, bem como crimes de falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Levantamentos iniciais apontam que os valores devidos aos cofres p√ļblicos podem ultrapassar R$ 1 bilh√£o em impostos estaduais e federais, multas e corre√ß√£o monet√°ria.

Resultado de investiga√ß√Ķes iniciadas h√° mais de dois anos pela Pol√≠cia Civil do Paran√° e de trabalhos anteriores da Receita Federal e da Receita Estadual de Minas Gerais, a for√ßa-tarefa tem como objetivo desmantelar um grande esquema criminoso de sonega√ß√£o de impostos e credita√ß√£o indevida de ICMS na compra e venda de caf√© em gr√£o cru decorrente de comercializa√ß√Ķes interestaduais.

Os alvos da opera√ß√£o s√£o pessoas f√≠sicas e empresas. Entre estes, grandes atacadistas e corretores de caf√© em gr√£os do Paran√°, al√©m de transportadores, propriet√°rios e representantes de torrefa√ß√Ķes paranaenses conhecidas no ramo cafeeiro nacional.

Fotos: Divulgação/Receita Federal