PUBLICIDADE

2.0 - REGIÃO

Escritor paulistano promove interação social por meio da leitura

Como forma de se aproximar dos leitores nesse período de isolamento social, o autor do livro A Filha do Reich, do Grupo Editorial Pensamento, trocou o lançamento presencial pela interação com blogueiros pelo WhatsApp para difundir sua obra pelo Brasil. A iniciativa partiu do escritor paulistano Paulo Stucchi, que teve o lançamento cancelado em São Paulo por conta da pandemia.

O¬†autor abriu¬†em suas redes sociais as¬†inscri√ß√Ķes¬†para os blogs de todo¬†o pa√≠s participarem¬†de um grupo no WhatsApp para interagir com ele, proposta que no meio liter√°rio √© conhecida como Leitura Coletiva. Ser√£o cerca de 30 blogs escolhidos no evento, que vai durar um m√™s. Os blogueiros v√£o dialogar entre¬†si e com o¬†pr√≥prio¬†escritor e jornalista.

Para que os participantes tenham acesso ao livro de Paulo, o escritor vai disponibilizar nos dias 20 e 21 de abril o e-book gratuito na Amazon.¬† Nessas datas,¬†quem quiser poder√° baixar a vers√£o digital pelo site,¬†que tamb√©m ser√°¬†divulgado nas redes sociais do autor.¬†¬†‚Äú√Č uma forma de levar entretenimento com seguran√ßa e qualidade para todas as pessoas.¬†Ainda bem que temos acesso aos livros nessa quarentena e esse √© o meu objetivo, ter mais leitores e pessoas consumindo n√£o apenas o¬†meu,¬†mas outros livros de autores nacionais‚ÄĚ, destaca Paulo.

A Filha do Reich conta a história de Hugo Seemann, filho do ex-soldado alemão refugiado no Brasil que, ao cuidar do funeral do pai Olaf, embarca em uma intensa jornada ao passado.